14/3/13 13:22
Atualizado em 17/5/16 às 15:06

Brazlândia: uma cidade cada vez melhor

Na série de entrevistas semanais com administradores regionais, Bolivar da Rocha Cruz Leite apresenta à AGÊNCIA BRASÍLIA as principais ações para melhorar a qualidade de vida da população


. Foto: Lula Lopes

Morador de Brazlândia há mais de 20 anos, o administrador regional da cidade, Bolivar da Rocha, ressalta que o governo trabalha com determinação para melhorar a infraestrutura da região. Entre as ações já executadas estão o reforço na iluminação, plantio de árvores, recapeamento de ruas e reforma de unidades de atendimento à saúde.
 

Empossado em 15 de setembro de 2011, Bolivar Rocha também aponta os fortes avanços na Educação. Foi inaugurada a primeira creche pública e várias parcerias foram firmadas para garantir a capacitação profissional da comunidade.
 

Quais as principais medidas adotadas em Brazlândia em sua gestão?
 

Acredito que as obras para melhoria da infraestrutura foram responsáveis por grande parte do desenvolvimento da nossa região. As mudanças podem ser notadas logo na entrada da cidade, que recebeu calçadas, meios-fios e plantio de árvores. As ruas também estão mais iluminadas. Investimos, só em janeiro deste ano, R$1,4 milhão na instalação de 144 postes e na troca de luminárias na Avenida Central, entradas das áreas comerciais, quadras esportivas e estacionamentos públicos.
 

As ruas da cidade também receberam manutenção?
 

Investimos cerca de R$ 5 milhões no recapeamento de 20km de vias, principalmente as mais movimentadas. Além disso, duplicamos uma rua da Quadra 12 Norte e reformamos os oito principais balões de Brazlândia. Também fazemos operação tapa-buraco toda semana, em parceria com a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap). Com equipamentos adquiridos pela administração regional, realizamos semanalmente a manutenção e recuperação das estradas de terra da área rural. Essas vias são bastante utilizadas tanto para o escoamento da produção de hortifrutigranjeiros da região como por aqueles que estudam na área urbana. Também renovamos a pintura de todas as faixas de pedestre e instalamos 22 paradas de ônibus.
 

O que foi feito para melhorar a qualidade de atendimento à saúde?
 

Foram feitas as reformas do Centro de Saúde Nº1 e do Posto de Saúde do Setor Veredas. Eles receberam manutenção nas redes elétrica e hidráulica, pintura e outros reparos. Além disso, o estacionamento do Hospital Regional de Brazlândia foi iluminado e estamos perto de licitar a construção do Banco de Leite. A unidade Móvel de Saúde da Mulher também esteve na cidade, por duas vezes, realizando exames de prevenção de câncer do colo do útero, mamografias e ecografias.
 

Como estão o lazer e a prática de esportes na cidade?
 

A população pode contar, agora, com um novo campo de futebol de grama sintética, na Quadra 34. Os campos do Madureira e do Atlético estão sendo reformados. Estamos investindo R$ 250 mil em pintura, reparos na parte elétrica e hidráulica, manutenção do alambrado, restauração e construção dos banheiros do Estádio Chapadinha. Também instalamos 17 Pontos de Encontro Comunitário (PECs) e construímos duas praças para oferecer opções de lazer à comunidade. Promovemos, ainda, o Campeonato de Futsal Quadradão, que ocorre tradicionalmente no segundo semestre do ano e reúne times de todo o DF. Além disso, em parceria com o Sesc [Serviço Social do Comércio], vamos construir uma quadra poliesportiva, com vestiários, banheiros e arquibancadas, no Setor Veredas. Esse espaço será aberto à comunidade.
 

Houve outras melhorias na infraestrutura da cidade?
 

Sim. Na Feira do Produtor, onde mais de 50 feirantes trabalhavam em estrutura inadequada, fizemos centro administrativo, fraldário, e banheiros masculinos e femininos, parte deles acessível para pessoas com deficiência. Também estamos construindo calçadas, meios-fios e estacionamento e reforçando a iluminação em toda a área externa do Santuário Menino Jesus, que recebe cerca de 100 mil pessoas por ano e é o segundo maior da América Latina.
 

A Educação também foi contemplada?

Em parceria com a Secretaria de Educação, inauguramos o Centro de Educação Infantil nº 2, a primeira creche pública da cidade. Ela funciona em período integral e atende cerca de 400 crianças menores de 5 anos. A população também passou a ter acesso à capacitação gratuita oferecida por quatro carretas do Senac [Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial] e uma do Senai [Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial]. Elas oferecem cursos de informática, depilador, cabeleireiro, maquiador, confeiteiro, operador de máquinas pesadas, e outros. Cerca de mil pessoas já foram qualificadas. Será construído, ainda, um polo do Instituto Federal de Brasília (IFB) em área cedida pelo GDF. Lá, a comunidade poderá se inscrever gratuitamente em cursos técnicos de agronegócio, logística, serviço público e administração. As obras estão previstas para começar ainda neste ano.
 

E quais os novos projetos para a cidade?

O governador Agnelo Queiroz anunciou a revitalização do Balneário Veredinha, uma antiga reivindicação da comunidade. A obra é uma das prioridades do programa Acelera DF e receberá investimento de R$ 4 milhões. Planejamos, ainda, a reforma das quadras poliesportivas e praças; a pavimentação e substituição do asfalto em mais ruas, e temos R$ 2,8 milhões previstos para dar continuidade ao reforço da iluminação pública. O GDF também vai construir, em parceria com a administração regional,  um quartel para o Corpo de Bombeiros Militar.