26/7/13 19:42
Atualizado em 12/5/16 às 17:50

População apresenta sugestões ao projeto de expansão do metrô

Audiência pública é uma das etapas da licitação; obras devem estar concluídas até 2015


. Foto: Pedro Ventura – 09/05/2013

BRASÍLIA (26/7/13) – A população do DF teve a oportunidade de apresentar hoje sugestões ao projeto de expansão da Linha 1 do metrô em audiência pública realizada na sede do órgão, em Águas Claras.

 

“Com a expansão poderemos atender mais 30 mil usuários/dia, levar desenvolvimento a diversos locais e cumprir uma das etapas do Plano Diretor”, destacou a presidente do Metrô-DF, Ivelise Longhi.

 

O projeto prevê a construção de mais 7,5Km de via, sendo 2,5 Km e duas estações em Ceilândia, 4 km de via e mais duas estações em Samambaia e 1 km de via e 1 estação na Asa Norte, na altura do Hospital Regional da Asa Norte (HRAN).

 

A audiência pública é uma das etapas do processo licitatório e está prevista no artigo 39 da Lei nº 8.666/1993, que determina que qualquer proposta de obra com recursos acima de R$150 milhões deve ser apresentada e discutida com a sociedade.

 

Segundo o diretor-técnico do Metrô-DF, Luiz Gonzaga Lopes, a obra é uma pequena parte do projeto de mobilidade no Distrito Federal.

 

“Temos que investir em transporte público de qualidade, com integração entre os modais, para que nossa cidade não perca a qualidade de vida”, enfatizou Lopes.

 

Depois da realização da audiência pública, o Metrô-DF está habilitado a iniciar a licitação para a contratação das obras, que serão custeadas – quase em sua totalidade – por recursos do PAC Mobilidade, do governo federal, cerca de R$700 milhões.

 

A expectativa do órgão é que a expansão da Linha 1 seja feita em dois anos e que as novas cinco estações fiquem prontas até 2015.

 

(J.S.)