22/8/13 23:32
Atualizado em 22/8/13 às 23:32

Área rural do DF terá policiamento especializado

Efetivo do Núcleo de Policiamento Rural contará com mais de 300 policiais


. Foto: Divulgação/PMDF

BRASÍLIA (22/8/13) – A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) apresentou um novo modelo para o policiamento das áreas rurais do DF para cerca de 50 agricultores, em reunião realizada, hoje (22), na sede da corporação.

“Criamos um núcleo específico ligado ao Batalhão Ambiental. Ao total, o efetivo terá mais de 300 policiais, o tamanho de um batalhão”, explicou o coronel Jooziel Freire, comandante-geral da PMDF.

O comando do Núcleo de Policiamento Rural, que será sediado na Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural, será dividido em três companhias – Sul, Leste e Oeste.

“Ouvir isso é um sonho que está se tornando realidade. Estou há 40 anos na área rural e sempre esperamos por isso”, disse Estela Barbosa, agricultora de Barra Alta, em Planaltina.

Os policiais que integrarem o núcleo terão uniforme exclusivo e passarão por treinamento voltado para o policiamento nas áreas rurais.

Antes, a segurança nessas regiões era feita por unidades sediadas nos batalhões da zona urbana.

“A articulação entre os órgãos de governo faz a diferença na efetividade das políticas”, ressaltou o secretário de Agricultura, Lúcio Valadão.

COMUNICAÇÃO – Os produtores rurais poderão comunicar ocorrências ao Núcleo de Policiamento Rural, por meio do telefone 3910-1965.

Regiões administrativas atendidas pelas companhias

Sul: sediada no Instituto Federal de Brasília no Gama

– Santa Maria

– Gama

– Núcleo Bandeirante

– Riacho Fundo

– Recanto das Emas

Oeste: sediado no Incra 8

– Brazlândia

– Taguatinga

– Ceilândia

– Samambaia

Leste: sediado no Núcleo Rural Tabatinga

– Sobradinho

– Fercal

– Planaltina

– São Sebastião

– Paranoá

– Lago Norte

(I.F/T.V)