18/6/15 19:09
Atualizado em 18/6/15 às 19:09

Mais 48 nomeados para a Polícia Civil

Eles começam a trabalhar em até 30 dias

O governo de Brasília nomeou mais 48 agentes para a Polícia Civil. A informação está no Diário Oficial do Distrito Federal desta quinta-feira (18) e refere-se ao concurso realizado em 2013. Os convocados já haviam feito curso de formação e agora têm até 30 dias para se apresentarem ao Departamento Geral de Pessoal para a posse. A unidade fica no complexo da corporação, próximo à entrada do Parque da Cidade Sarah Kubitschek, em frente ao Sudoeste.

De acordo com o Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol), 422 aprovados ainda aguardam nomeação. “Os que chegam agora serão muito bem-vindos, mas ainda não suprem totalmente a carência da instituição”, destaca o presidente da entidade, Rodrigo Franco. Em resposta, a Secretaria de Gestão Administrativa e Desburocratização afirma que as nomeações continuarão sendo feitas de maneira gradual. A pasta não estabeleceu datas para as próximas convocações.

A contratação dos policiais foi anunciada pelo governador Rodrigo Rollemberg, no início de junho, na página pessoal dele no Facebook. Na rede social, ele reforçou o posicionamento da secretaria. “Esse número foi o possível no momento. Mais adiante, quando melhorarmos nossa situação, espero chamar outros”, postou.

Os 48 profissionais integram o cadastro de reserva dos que passaram no certame homologado em 27 de junho de 2014. Até agora, 493 agentes foram nomeados, sendo 193 do cadastro de reserva. O concurso tem vigência até 27 de junho de 2016. Depois, pode ser prorrogado por 24 meses.

A categoria conta com cerca de 4,9 mil policiais em diversas carreiras — delegado, agente de polícia, agente de custódia, perito, médico perito, papiloscopista e escrivão. A última nomeação foi em 22 de setembro do ano passado. Na época, 105 agentes e 27 escrivães tomaram posse.

Leia também:

Autorizada a contratação de 48 policiais civis