17/10/15 0:50
Atualizado em 12/5/16 à 17:51

Governador recebe representantes da categoria do sistema penitenciário

Durante encontro no Palácio do Buriti, sindicato se comprometeu a realizar assembleia para propor o fim da greve e intensificar debate da pauta de reivindicações com o Executivo


. Foto: Andre Borges/Agência Brasília

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, recebeu, na noite desta sexta-feira (16), no Palácio do Buriti, representantes da categoria do sistema penitenciário, que está em greve desde terça-feira (13). Depois do encontro, o Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindpen) alinhou que levará a proposta de fim da paralisação em assembleia a ser convocada. Assim, caso os servidores retornem ao trabalho, os sindicalistas voltarão a se reunir imediatamente com o governo para debater a pauta de reivindicações que não tiverem impacto financeiro.

Rollemberg e secretários de Estado presentes no encontro reiteraram o problema financeiro enfrentado pelo Executivo local e a impossibilidade de pagar o reajuste salarial de servidores públicos neste momento. O governador destacou a importância de reestruturar o sistema prisional da cidade, mas ponderou que antes será preciso ajustar as contas e organizar o orçamento para o próximo ano.

Também estiveram na reunião o chefe da Casa Civil, Sérgio Sampaio, o secretário-adjunto de Planejamento, Orçamento e Gestão, Renato Brown, o secretário de Justiça e Cidadania, João Souto, o subsecretário do Sistema Prisional, João Carlos Lóssio, o subsecretário do Tesouro do Distrito Federal, Fabrício Barros, o administrador regional do Plano Piloto, Igor Tokarski, os deputados distritais Raimundo Ribeiro (PSDB) e Ricardo Vale (PT), o assessor de Direitos Humanos da deputada federal Érika Kokay (PT), Michel Platini, o presidente do Sindpen, Leandro Allan, o diretor-financeiro do sindicato, Adriano de Souza, e o diretor-executivo, Cleber Virgínio.

Veja a galeria de fotos: