Fale com o Governo Ações em Destaques

19/12/15 às 13:07

Brasília será a capital dos ipês

Chefe do Executivo local participou na manhã deste sábado (19) de lançamento da nova fase do projeto que vai criar quatro praças no Distrito Federal

Mariana Damaceno, da Agência Brasília


. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

O governador Rodrigo Rollemberg participou na manhã deste sábado (19) do lançamento do embrião da nova fase do projeto Brasília Capital do Ipê. O chefe do Executivo local ajudou a plantar mudas de ipês-amarelos no local onde será construída a Praça da Cidadania, próximo ao Teatro Nacional, na área central do Plano Piloto. “O Cerrado é uma das regiões de maior biodiversidade do mundo e é nele onde nascem bacias importantes, como a do Tocantins, a do Rio São Francisco e a do Paraná”, disse Rollemberg. Ele acrescentou que esse bioma está ameaçado pelo desmatamento descontrolado e destacou a importância da preservação.

O Brasília Capital do Ipê é uma iniciativa do jornal Correio Braziliense, da Rede Globo e da Digital Group (empresa que atua no mercado digital), com apoio do governo de Brasília. O plano é construir quatro praças em diferentes regiões administrativas de Brasília. Em cada uma será plantado um tipo de ipê: branco, amarelo, rosa e roxo, de acordo com o tema escolhido para o local. Elas serão inauguradas uma em cada semestre a partir de 2016. A previsão é que a primeira seja a Praça da Paz, no Parque da Cidade. As outras, sem lugar definido, serão Praças do Respeito e do Amor.

A Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) doou 300 ipês-amarelos e cederá funcionários para fazer o plantio na Praça da Cidadania. A empresa também ficará responsável por construir a infraestrutura no local. O desenho do ambiente foi feito pela Secretaria de Gestão do Território e Habitação. A Praça da Cidadania, no Eixo Monumental, terá como tema a paz no trânsito.

“Brasília vai sediar, em 2018, o 8º Fórum Mundial da Água e tem a obrigação de despertar e de construir nova consciência em relação a esse precioso bem e de se tornar uma cidade modelo de sustentabilidade”, destacou o governador.

Participaram do plantio das primeiras 35 mudas de ipês-amarelos na manhã de hoje o presidente da Novacap, Hermes de Paula; a presidente do Instituto Brasília Ambiental, Jane Vilas Bôas; a secretária-adjunta de Esporte e Lazer, da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer, Leila Barros; o secretário de Gestão do Território e Habitação, Thiago de Andrade; o secretário do Meio Ambiente, André Lima; o secretário de Cultura, Guilherme Reis; o secretário-adjunto da Casa Civil, Igor Tokarski; o chefe do Departamento de Parques e Jardins da Novacap, Rômulo Ervilha; e a chefe de Comunicação Institucional e Interação Social, Vera Canfran.

Além dos representantes do governo de Brasília, estavam presentes o diretor de Criação da Digital Group, Wesley Santos, de Comercialização e Marketing do Correio Braziliense, Paulo Cesar Oliveira Marques, o diretor regional da Rede Globo em Brasília, Luiz Marcelo Pinheiro Chaves, e lideranças comunitárias do Plano Piloto.

Veja a galeria de fotos:

https://www.flickr.com/photos/agenciabrasilia/albums/72157662507610686″ title=”Brasília será a capital dos ipês”>https://farm1.staticflickr.com/684/23819771116_2c68be2e83_c.jpg”width=”800″ height=”531″ alt=”Brasília será a capital dos ipês”>

Últimas Notícias