1/11/16 18:21
Atualizado em 30/1/17 às 21:52

Mudanças no trânsito são necessárias para facilitar obras do Trevo de Triagem Norte

Serão construídos um viaduto no ponto do bloqueio, próximo ao Setor Hospitalar Norte, e outro por cima do Eixo Rodoviário, perto da Ponte do Bragueto e das vias L2 e L4 Norte

Iniciados nesta terça-feira (1º de novembro), os bloqueios no trânsito no fim da Asa Norte fazem parte do cronograma das obras do Trevo de Triagem Norte. Segundo o Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF), a interrupção no fluxo de veículos serve para garantir a construção de dois viadutos.

Novo retorno para acesso ao Eixo W.
Novo retorno para acesso ao Eixo W. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

As mudanças devem durar até meados de 2017. “Os bloqueios são necessários para a construção de dois viadutos, um próximo ao Setor Hospitalar Norte e outro por cima do Eixo Rodoviário”, explica o superintendente de obras do DER-DF, Geraldo Filho.

O planejamento foi rigoroso, segundo o dirigente, para que não haja atrasos. “O andamento da obra será assim, com desvios no tráfego a cada avanço. Trabalhamos para que esses bloqueios de agora durem, no máximo, seis meses”, enfatiza.

O andamento da obra será assim, com desvios no tráfego a cada avanço. Trabalhamos para que esses bloqueios de agora durem, no máximo, seis mesesGeraldo Filho, superintendente de obras do DER-DF

As obras no Trevo de Triagem Norte foram retomadas no início de julho, pouco após a liberação dos recursos financeiros do empréstimo do Banco Nacional de Desenvolvimento (Bndes).

Obras do Trevo de Triagem Norte e da Ligação Torto-Colorado

Serão dez obras no Trevo de Triagem Norte, entre pontes, viadutos e túneis, feitas para distribuir o fluxo de veículos com destino ao Plano Piloto, levando ao Eixo Rodoviário Norte-Sul (Eixão), à W3, aos Eixinhos Leste e Oeste e à L2.

Somadas às passagens previstas na Ligação Torto-Colorado — construção de uma pista marginal à DF-003 e novos acessos aos condomínios —, serão 23 intervenções.

No total, as benfeitorias vão custar R$ 207 milhões — R$ 146 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), R$ 51 milhões de contrapartida do governo de Brasília e R$ 10 milhões da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap).

O conjunto de obras vai beneficiar cerca de 100 mil motoristas que passam pela saída norte de Brasília todos os dias.

Conheça os projetos do Trevo de Triagem Norte e do sistema viário da Ligação Torto-Colorado.mudanca-de-transito-no-trevo-de-triagem-norte-1_agenciabrasilia

Edição: Vannildo Mendes

Galeria de Fotos

Bloqueios no trânsito são necessários para facilitar obras do Trevo de Triagem Norte