24/2/17 22:19
Atualizado em 25/2/17 às 9:55

Rejunta meu Bulcão leva 2,4 mil foliões à Asa Norte

Na noite desta sexta (24), véspera do primeiro dia oficial de carnaval, público brincou por quatro horas em um dos 47 blocos que contam com recursos da Lei de Incentivo à Cultura

A terceira edição do bloco Rejunta meu Bulcão misturou arte e cultura. Os foliões se concentraram na Praça dos Prazeres, na 201 Norte, no início da noite desta sexta-feira (24), e se divertiram ao som do axé da banda Àsé Dúdú, grupo cultural que se dedica a levar mensagem da luta contra intolerância racial e religiosa por meio da música.

Bloco Rejunta meu Bulcão reuniu 2,4 mil foliões na 201 Norte
Bloco Rejunta meu Bulcão reuniu 2,4 mil foliões na 201 Norte. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

Durante as quatro horas de festa, não foram registradas ocorrências de vulto, segundo a Polícia Militar do Distrito Federal. Praças e oficiais da corporação estavam presentes em vários pontos em volta do bloco para garantir a segurança do público, estimado em 2,4 mil pessoas. O Corpo de Bombeiros também estava a postos para eventuais emergências.

Cinco auditores, em duas vans da Agência de Fiscalização do DF (Agefis), acompanhavam a distância a movimentação. A função deles era evitar a atuação de ambulantes não autorizados e apreender garrafas de vidro.

O estudante Carlos Honorato há três anos não arreda pé de Brasília no carnaval. Fantasiado de grávida de Taubaté, ele elogiou a estrutura dos eventos. “No geral, tudo está muito bem organizado. Por segurança, prefiro nem sair com celular, porque sei que o furto de aparelhos é algo difícil de ser evitado.”

"Essa diversidade que temos visto nos blocos só contribui para o enriquecimento cultural brasiliense"Nilva Souza, poetisa

Para a poetisa Nilva Souza, de 45 anos, o apoio aos blocos da cidade tem fomentado o lazer e a cultura na capital do País: “Essa diversidade que temos visto nos blocos do Distrito Federal só contribui para o enriquecimento cultural brasiliense”.

De acordo com a Secretaria de Cultura, 118 blocos participam do carnaval de rua de Brasília neste ano. Somados às demais comemorações, são 190 eventos cadastrados — 105 no Plano Piloto e 85 em outras 21 regiões. A estimativa é receber 1,9 milhão de pessoas nessas festividades e 1,6 milhão nos quatro dias de carnaval.

Do total de blocos, 47 recebem recursos da Lei de Incentivo à Cultura (LIC) no valor total de R$ 1,5 milhão. Os eventos tiveram auxílio na contratação da estrutura do evento, como palcos, trios elétricos, iluminação, unidade de terapia intensiva (UTI), sonorização, tendas, carretas, grades, seguranças, brigadistas e banheiros.

O comandante da Polícia Militar, coronel Marco Antônio Nunes, integrou a equipe que trabalhou na segurança do Rejunta meu Bulcão. Segundo ele, o planejamento dos blocos tem garantido festas sem maiores problemas. “Houve muito diálogo dos órgãos de segurança com os blocos e com os outros setores do governo, o que tem proporcionado eventos sem ocorrências de vulto”, destacou.

Às 20 horas, o Departamento de Trânsito fechou os acessos para veículos na comercial da 201 Norte, e os foliões puderam se divertir sem riscos de acidentes.

A programação completa da folia no Distrito Federal está no site Brasília tem Carnaval.

Edição: Vannildo Mendes

Galeria de Fotos

Bloco Rejunta meu Bulcão na Praça dos Prazeres