25/5/17 22:06
Atualizado em 25/11/17 às 16:26

Mais três escrituras levam segurança jurídica a templos no Riacho Fundo

Igrejas receberam o documento de regularização fundiária das mãos do governador Rollemberg, na noite desta quinta-feira (25). Desde 2015, foram feitas 59 entregas

A espera pela escritura acabou para três entidades religiosas do Riacho Fundo. Na noite desta quinta-feira (25), representantes das igrejas Assembleia de Deus, Assembleia de Deus Gerizim e Ministério Internacional Nova Criatura receberam o documento das mãos do governador Rodrigo Rollemberg.

O governador Rollemberg entrega escritura ao pastor Zaqueu Barros Costa, da Assembleia de Deus, na QN 1, do Riacho Fundo I.
O governador Rollemberg entrega escritura ao pastor Zaqueu Barros Costa, da Assembleia de Deus, na QN 1, do Riacho Fundo I. Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

A obtenção das escrituras assegura tranquilidade jurídica aos templos. Com as três novas entregas, são 59 entidades religiosas e de assistência social que tiveram seus imóveis regularizados desde 2015.

Para Rollemberg, a iniciativa é de grande valor simbólico não só para as entidades, mas para toda a cidade. “Espaços assim nos ajudam a disseminar valores que contribuem para uma sociedade mais generosa”, destacou.

Além de atender à demanda do setor, a regularização é parte de um conjunto de ações que tem como objetivo legalizar os terrenos no Distrito Federal.

"Espaços assim nos ajudam a disseminar valores que contribuem para uma sociedade mais generosa"Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília

Podem pleitear a regularização fundiária instituições que ocupam os espaços desde antes de 31 de dezembro de 2006, conforme a Lei Complementar 806, de 2009.

Desde 2015, foram entregues aproximadamente 27 mil escrituras a moradores e há mais 5 mil prontas. “Precisamos de uma cidade legal e com segurança jurídica pra todos”, avaliou o chefe do Executivo.

A solenidade ocorreu na Assembleia de Deus, na QN 1, do Riacho Fundo I. À frente da entidade, o pastor Zaqueu Barros Costa contou que a escritura é esperada há 25 anos.

Também receberam o documento o pastor Isaque Magalhães Soares de Sousa e Silva, em nome da Assembleia de Deus Gerizim, e o pastor Paulo César da Conceição, da Igreja Ministério Internacional da Nova Criatura.

As entidades esperam pela escritura há 15 anos e 21 anos, respectivamente. Segundo o governador, os documentos são importantes para que as entidades continuem fazendo o trabalho espiritual e social.

O diretor de Habitação e Regularização Fundiária da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), Gustavo Dias Henrique, reforçou o empenho da gestão em entregar todos os documentos a entidades cadastradas.

“Hoje é um dia de vitória para toda a comunidade”, atestou o coordenador-geral do Conselho de Pastores Evangélicos do DF, Chancerley de Melo Santana.

Edição: Vannildo Mendes

Galeria de Fotos

Mais três escrituras levam segurança jurídica a templos no Riacho Fundo