24/8/17 20:46
Atualizado em 25/8/17 às 8:45

Governo repactua Viva Brasília para elevar a sensação de segurança no DF

Índices de violência caíram, mas o medo aumentou na população. Uma das metas da nova fase do programa consiste em integrar ações de diversos órgãos públicos

Embora os índices de violência registrem queda consecutiva no Distrito Federal desde 2015, levantamento da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social mostra aumento na sensação de insegurança da população. Para reverter o quadro, o governo repactuou nesta quinta-feira (24) seu principal programa de combate à criminalidade, o Viva Brasília — Nosso Pacto pela Vida.

O governador Rollemberg e os gestores da segurança pública no DF reuniram-se para repactuar o Viva Brasília nesta quinta-feira (24).
O governador Rollemberg e os gestores da segurança pública no DF reuniram-se para repactuar o Viva Brasília nesta quinta-feira (24). Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

Uma das medidas tomadas consiste em reforçar atividades de outras áreas do setor público, não ligadas diretamente à segurança, para diminuir o medo das pessoas. “Senti necessidade de fazer esta reunião mais ampla para que possamos integrar ainda mais as ações do governo com a sociedade civil”, disse o governador Rodrigo Rollemberg.

Ele recebeu hoje, na Residência Oficial de Águas Claras, o secretário da pasta, Edval de Oliveira, e os chefes das forças de segurança para traçar novas estratégias e avaliar os resultados do programa, lançado em 2015.

"Senti necessidade de fazer reunião ampla para integrar ainda mais as ações do governo com a sociedade"Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília

Para Rollemberg, grande parte da sensação de insegurança advém de tarefas que devem ser cumpridas por outros órgãos públicos, que não a pasta da Segurança. Ele citou exemplos como limpeza urbana, instalação de iluminação pública e poda de árvore, desenvolvidos pelo programa Cidades Limpas.

Desde 2015, O DF supera, por exemplo, a meta estabelecida no lançamento do programa de diminuição de pelo menos 6% nos números de homicídios. Esse tipo de crime caiu 19,2% de janeiro a julho, no comparativo com o mesmo período do ano passado.

O combate ao medo, segundo o secretário da Segurança Pública e da Paz Social, deverá ser o quinto pilar do Viva Brasília. Os outros quatro, já pactuados, são:

  • Redução dos crimes violentos letais intencionais, como homicídio
  • Redução dos crimes contra o patrimônio, como roubos
  • Melhoria da relação entre a polícia e a comunidade
  • Redução das vulnerabilidades sociais e criminais.

Reuniões periódicas para implementar novas metas

Participaram também do encontro representantes da sociedade civil e os titulares da Secretaria das Cidades, Marcos Dantas; da Agência de Fiscalização do DF (Agefis), Bruna Pinheiros; e da Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF), Marcelo Dourado.

De acordo com Edval de Oliveira, também serão retomadas reuniões como a do comitê gestor, com participação do governador, e a das regiões integradas de segurança pública. “Sairemos dos encontros com encaminhamentos concretos”, revelou.

O secretário destacou que o foco da nova fase do programa serão as áreas mapeadas com os maiores índices de criminalidade e os de sensação de insegurança.

Edição: Vannildo Mendes

Galeria de Fotos

Governo repactua Viva Brasília para elevar a sensação de segurança no DF