27/12/17 17:04
Atualizado em 27/12/17 às 17:04

Mais 219 servidores são nomeados para reforçar a saúde pública

Médicos de várias especialidades e profissionais de outras categorias foram chamados para atuar em áreas estratégicas para a população do DF

Mais 219 profissionais foram chamados para compor o quadro de servidores da Secretaria de Saúde do DF. A nomeação dos aprovados em concurso público foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal desta quarta-feira (27).

Entre os nomeados estão médicos de várias especialidades e outros profissionais de nível médio e superior. A previsão é que seja feita mais uma convocação, até o fim deste ano, de 186 médicos de família e clínicos. Dessa forma, serão nomeados, no total, 405 novos servidores em dezembro.

O secretário de Saúde, Humberto Fonseca, destaca o fortalecimento em setores estratégicos da pasta. “Vamos reforçar o pessoal em várias unidades, chegar perto de 70% de cobertura da Estratégia Saúde da Família e colocar para rodar plenamente seis ambulâncias avançadas do Samu”, informa.

5.957Total de servidores nomeados desde 2015 para atuar na saúde pública do DF

Os profissionais têm 30 dias para tomar posse, contados a partir de hoje. Carteira de identidade, cadastro de pessoas físicas (CPF), título de eleitor e comprovante de votação da última eleição são alguns dos documentos exigidos. Veja a lista completa.

Ampliação da carga horária

Também foi publicado no DODF, na edição de terça-feira (26), a partir da página 23, a ampliação da carga horária de 594 servidores da Secretaria de Saúde, em diversas categorias.

Apesar do aumento, não haverá impacto financeiro para a Saúde, já que as horas a mais servirão para recompor o trabalho de profissionais que já saíram da secretaria por aposentadorias, exonerações e vacâncias.

Com isso, será aumentada a força de trabalho em setores estratégicos, como as unidades de pronto atendimento (UPAs), os Centros de Atenção Psicossocial (CAPs), os centros cirúrgicos e as unidades de terapia intensiva (UTIs).

“As ampliações foram feitas dentro de um estudo para recompor o trabalho dos profissionais, que, desde 2015, saíram por diversos motivos”, explicou a diretora de Planejamento, Monitoramento e Avaliação do Trabalho, Bárbara Rocha.

Dados da Subsecretaria de Gestão de Pessoas, da Secretaria de Saúde, apontam que desde 2015 foram nomeados 5.957 servidores para a pasta. Desses, 1.119 foram admitidos em 2015; outros 2.768 em 2016; e 2.070 entre janeiro e outubro de 2017.

Lista de profissionais nomeados nesta quarta (27):

  • Patologia clínica: 7
  • Técnico de laboratório: 11
  • Técnico em nutrição: 2
  • Técnico administrativo: 50
  • Técnico em enfermagem: 12
  • Enfermeiro: 12
  • Nutricionista: 4
  • Biólogo: 3
  • Biomédico: 1
  • Assistente Social: 5
  • Terapeuta Ocupacional: 4
  • Fisioterapeuta: 1
  • Médico – Acupuntura: 3
  • Médico – Alergia e imunologia: 2
  • Médico –  Biometria e perícia médica: 3
  • Médico – Broncoesofagologia: 1
  • Médico – Cirurgia cardiovascular: 1
  • Médico – Cirurgia plástica: 1
  • Médico – Cirurgia torácica: 2
  • Médico – Clínica Médica: 21
  • Médico – Dermatologia: 3
  • Médico – Gastroenterologia: 4
  • Médico – Genética: 1
  • Médico – Mastologista: 2
  • Médico de família e comunidade: 20
  • Médico do trabalho: 6
  • Médico – Nefrologista: 4
  • Médico – Oftalmologista: 2
  • Médico – Ortopedia e traumatologia: 4
  • Médico – Otorrinolaringologia: 4
  • Médico – Patologia clínica: 3
  • Médico – Psiquiatra: 6
  • Médico – Radiologia: 10
  • Médico – Radioterapia: 1
  • Médico – Urologia: 3