15/1/18 17:20
Atualizado em 16/1/18 às 9:23

FAP-DF destina R$ 13 milhões para desenvolvimento em ciência e inovação

Recursos vão apoiar a participação em eventos do setor no Brasil e no exterior e servir para promovê-los. Editais foram lançados nesta segunda (15) pelo governador Rodrigo Rollemberg

O desenvolvimento de pesquisas científicas, de tecnologia e inovação em Brasília terá novo aporte de recursos com o lançamento de mais dois editais da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF).

O diretor-presidente da FAP-DF, Tiago Coelho, assina os editais acompanhado do governador Rollemberg. Foto: Andre Borges/Agência Brasília
O diretor-presidente da FAP-DF, Tiago Coelho, assina os editais acompanhado do governador Rollemberg. Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Serão R$ 13 milhões para essas iniciativas divididos em:

– R$ 7 milhões para apoiar a participação de alunos em cursos de curta duração e incentivar visitas técnicas a instituições de pesquisa e desenvolvimento em ciência, tecnologia e inovação, do Brasil ou do exterior.

– R$ 6 milhões para promoção de eventos científicos, tecnológicos e de inovação no DF.

“Com isso, criamos um ambiente de empreendedorismo e inovação importantíssimo para a economia”, destacou o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, na cerimônia de assinatura dos editais na tarde desta segunda-feira (15) no Palácio do Buriti.

Segundo ele, o investimento atende áreas prioritárias do governo e ajudará a cidade a enfrentar a crise econômica de forma sustentável.

“No DF, temos uma alta concentração de doutores e acadêmicos. Precisamos, por natureza, agregar conhecimento à nossa produção”, acrescentou Rollemberg.

Para o diretor-presidente da FAP-DF, Tiago Coelho, o incremento faz parte de uma estratégia de governo para retomar a economia por meio da inovação.

“Esse campo representa uma força motriz para tornar Brasília um pólo de iniciação científica”, ressaltou.

R$ 237 milhõesMontante investido pela FAP-DF desde 2015 em editais para projetos de pesquisa locais

Com os dois lançados hoje, a fundação soma um total de R$ 237 milhões investidos em editais para projetos de pesquisa locais desde 2015.

A reitora da Universidade de Brasília (UnB), Márcia Abrahão, aprovou o investimento e reforçou a importância dele para o meio acadêmico. “É fundamental que haja iniciativas como essa para ampliarmos as ações de pesquisa. Sem dúvidas vamos nos candidatar e divulgar os editais”, afirmou a professora. Ela defendeu ainda a criação de um museu de ciência e tecnologia no DF.

Leia o pronunciamento do governador Rodrigo Rollemberg na assinatura dos editais da FAP-DF.

Edição: Raquel Flores

Galeria de Fotos

FAP-DF destina R$ 13 milhões para desenvolvimento em ciência e inovação