2/2/18 16:31
Atualizado em 5/2/18 às 10:28

Brasilienses podem ajudar a escolher agente de inovação do Biotic

Consulta pública sobre o edital de chamamento que escolherá gestor para o Parque Tecnológico fica aberta até 9 de fevereiro

A seleção definirá uma entidade que atuará como agente de inovação do Biotic, e não um profissional.

Até 9 de fevereiro, qualquer cidadão pode opinar sobre o edital de chamamento público que escolherá uma entidade agente de inovação do Biotic — Parque Tecnológico, em fase final de construção.

A seleção definirá uma organização social que desenvolverá ações de fomento ao empreendedorismo e à inovação tecnológica, industrial e de biotecnologia no DF.

“Isso inclui programas de incubação e aceleração para novas empresas de base tecnológica, eventos, capacitações e mentorias, além de viabilizar conexões com empresas e investidores”, explica o secretário-adjunto de Ciência, Tecnologia e Inovação, Thiago Jarjour.

A consulta pública está disponível na internet. Além da minuta do edital, estão no site as plantas do espaço.

De acordo com o secretário-adjunto, as contribuições da sociedade serão essenciais para melhorar a eficácia das ações e dos objetivos que ficarão sob a administração do agente de inovação.

Para participar do processo, basta fazer um rápido cadastro na plataforma, que criará uma senha de acesso, e escolher o item aberto a sugestões.

Após o término da consulta pública, a previsão de publicação do edital é de 15 dias.

O edital é voltado às organizações da sociedade civil sem fins lucrativos. O prazo para o termo de cooperação é de 36 meses. Ele será executado com base na Lei nº 13.019 e no Decreto nº 37.843, que regulamentam as parcerias entre a administração pública e organizações sociais.

O que é o Biotic

Previsto para ser entregue em abril, o Biotic visa concentrar cerca de 1,2 mil empresas dos ramos da tecnologia da informação e comunicação e da biotecnologia, com potencial para criar mais de 25 mil empregos diretos.

Edição: Paula Oliveira