23/3/18 22:42
Atualizado em 24/3/18 às 9:23

Artistas são homenageados em celebração do aniversário do Park Way

Região administrativa completou 57 anos. Evento Arte e Natureza, no Brasília Country Club, teve a participação do governador Rodrigo Rollemberg

Artistas plásticos, fotógrafos, pioneiros e pessoas engajadas em ações sociais foram homenageados na programação oficial dos 57 anos do Setor de Mansões Park Way, na noite desta sexta-feira (23).

A artisita Ray di Castro recebeu premiação das mãos do governador Rollemberg e do adminsitração do Park Way, Candangolândia e Núcleo Bandeirante, Roosevelt Vilela. Foto: Pedro Ventura/Agência Brasilia
A artista Ray di Castro recebeu premiação das mãos do governador Rollemberg e do administrador do Park Way, Candangolândia e Núcleo Bandeirante, Roosevelt Vilela. Foto: Pedro Ventura/Agência Brasilia

No total, 20 personagens foram premiados com troféus, 13 deles por pioneirismo e atuação em projetos sociais e sete pela participação no evento Arte e Natureza, que teve exposição de fotografias e quadros.

A celebração contou com a apresentação de um trio da banda do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, no Brasília Country Club.

Morador do Park Way, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, elogiou a atuação dos moradores na região. “Essa comunidade é atuante e preza muito por manter a qualidade de vida do bairro”, constatou.

Com a proximidade física da cidade de locais de interesse ambiental, Rollemberg citou ainda o 8º Fórum Mundial da Água, encerrado nesta sexta-feira.

"Essa comunidade é atuante e preza muito por manter a qualidade de vida do bairro"Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília

Para o governador, o evento deixará um legado de sustentabilidade que poderá beneficiar também a região administrativa.

O artista plástico, escultor e artesão Silvio Cavalcante de Barros foi um dos agraciados com o troféu. “Nasci com o dom. Não tive escola, foi didático. Lia gibi, quando criança, e já desenhava história”, contou o morador do Park Way há 32 anos.

Com uso de técnica mista, como tinta acrílica e óleo, Ray Di Castro também recebeu o prêmio. “O artista quer ser reconhecido. Quando a gente vê nossa obra mencionada, é uma alegria.” Ela mora desde 1998 na região.

O evento visa promover a arte e a cultura local por meio de personalidades que se destacam em diversos segmentos, como artes, meio ambiente, esporte, ação social, cultura, pioneirismo e participação comunitária.

O administrador regional do Park Way, Candangolândia e Núcleo Bandeirante, Roosevelt Vilela, destacou as ações de cuidado com a natureza. “O nosso viveiro já forneceu mais de 20 mil mudas. É um projeto em parceria com a comunidade, que está sempre presente”, destacou. O Viveiro Comunitário do Park Way foi inaugurado em 2016.

Comemoração no Park Way no fim de semana

Neste sábado (24), das 9 às 13 horas, na Vargem Bonita, haverá ação social com aula de zumba e funcional, além de recreação infantil e atividades da carreta do Serviço Social da Indústria (Sesi).

No domingo (25), das 10 às 16 horas, as atividades oficiais do aniversário serão encerradas com uma feira verde de trocas na Quadra 28 do Setor de Mansões Park Way.

Origem do Park Way

O Park Way foi criado em 13 de março de 1961, como um bairro para fins exclusivamente residenciais, característica mantida até hoje. Pertencia à região administrativa do Núcleo Bandeirante até a publicação da Lei nº 3.255, de 29 de dezembro de 2003.

Segundo a Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (Pdad), da Companhia de Planejamento do DF (Codeplan), de maio de 2016, a população estimada do Park Way é de 19,82 mil moradores.

Leia o pronunciamento do governador na homenagem a artistas e pessoas atuantes na região durante comemoração do aniversário de 57 anos do Park Way

Edição: Vannildo Mendes

Galeria de Fotos

Artistas são homenageados na celebração do aniversário do Park Way