4/5/18 12:54
Atualizado em 8/5/18 às 12:17

Catadores de materiais recicláveis serão capacitados gratuitamente pelo Senai

Curso é voltado a trabalhadores das oito cooperativas que atuam nos centros de triagem. Interessados devem se inscrever até 11 de maio. Termo de cooperação técnica foi assinado nesta sexta (4)

Antigos catadores do lixão da Estrutural, desativado em janeiro, serão capacitados para executar tarefas mais complexas e mais profissionais em comparação àquelas que faziam há até pouco tempo.

Termo de cooperação técnica que permitirá a capacitação de catadores de materiais recicláveis foi assinado nesta sexta-feira (4), na Fábrica Social
Termo de cooperação técnica que permitirá a capacitação de catadores de materiais recicláveis foi assinado nesta sexta-feira (4), na Fábrica Social. Foto: Dênio Simões/Agência Brasília

Para a capacitação profissional, um termo de cooperação técnica foi assinado nesta sexta-feira (4), na Fábrica Social, pelo Serviço de Limpeza Urbana (SLU), pela Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal (Senai-DF).

O curso agente de recuperação de resíduos é voltado a cerca de 640 trabalhadores das oito cooperativas que atuam nos galpões de triagem alugados pelo governo de Brasília. A formação será gratuita, pelo período aproximado de um ano, por meio de parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal (Senai-DF).

Serão 160 horas-aula, com início a partir de 11 de junho, e os interessados devem se inscrever até 11 de maio, nos centros de triagem em que trabalham.

Presente na cerimônia e testemunha do acordo, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, destacou que a inciativa está associada ao programa Agentes de Cidadania Ambiental — Inclusão ao Mundo do Trabalho na Área Ambiental, cuja regulamentação foi publicada no Diário Oficial do DF de hoje.

O curso terá uma aula por semana e contemplará os seguintes módulos:

  • Cooperativismo
  • Atitudes pessoais
  • Segurança do trabalho e manutenção de equipamentos
  • Gerenciamento de resíduos sólidos
  • Noções de processos de produção
  • Empreendedorismo
  • Gestão administrativa e financeira

Há, ainda, um módulo de informática básica, com 40 horas-aula, voltado àqueles que trabalham na gestão das cooperativas. O grupo começou a frequentar as aulas nessa quinta (3). Vão ser dois encontros por semana — às quintas e às sextas-feiras.

As disciplinas vão ser ministradas na Fábrica Social e nos centros de triagem destinados à separação dos materiais, onde haverá a parte prática — complementar ao trabalho que já vem sendo feito nos galpões de triagem dos materiais.

Leia o pronunciamento do governador Rodrigo Rollemberg.

Edição: Paula Oliveira

Galeria de Fotos

Catadores de materiais recicláveis serão capacitados gratuitamente pelo Senai