10/5/18 18:04
Atualizado em 11/5/18 às 9:35

Museu Vivo da Memória Candanga recebe 1ª Semana da Gravura

De 14 a 18 de maio, programação do encontro inclui exposições, debates, oficinas e troca de obras entre artistas locais do segmento e visitantes

De 14 a 18 de maio, o Museu Vivo da Memória Candanga vai abrigar a 1ª Semana da Gravura, com encontro de gravuristas, oficinas e exposições.

Museu Vivo da Memória Candanga vai abrigar a 1ª Semana da Gravura, com encontro de gravuristas, oficinas e exposições
Museu Vivo da Memória Candanga vai abrigar a 1ª Semana da Gravura, com encontro de gravuristas, oficinas e exposições. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília 20.3.2015

Segundo a Secretaria de Cultura, o objetivo do evento é dar visibilidade a essa linguagem artística e trazer a Brasília nomes reconhecidos para divulgarem obras e compartilharem conhecimentos.

A abertura ocorrerá na segunda-feira (14) com a exposição Circus, do gravador argentino Carlos Pamparana, às 19 horas, no foyer do Teatro Nacional Claudio Santoro. A visitação segue até 31 de maio.

Na quarta-feira (16), a partir das 16 horas, mais duas mostras serão inauguradas: Almoço da artista, de Liliana Esteban, e Territórios da gravura, uma seleção de trabalhos de artistas brasileiros, argentinos e mexicanos.

Ambas ficarão expostas no Museu Vivo da Memória Candanga até 16 de julho.

No local, Carlos Pamparana ministrará oficinas de colagrafia, de monotipia e de produção de um livro de artista. Para se inscrever, é necessário ir ao museu. Mais informações pelo telefone (61) 3301-3590.

O encerramento da semana será no sábado (19), às 10 horas, com um encontro de gravuristas. Estão programados debates, varal de gravuras, troca e venda de obras entre artistas locais e visitantes.

1ª Semana da Gravura no Museu Vivo da Memória Candanga

De 14 a 18 de maio

Na Via Epia Sul, SPMS, Lote D – Núcleo Bandeirante

Entrada gratuita

Edição: Raquel Flores