24/5/18 9:01
Atualizado em 24/5/18 às 9:51

Mais de 2 mil vagas para cursos de educação profissional estão abertas no DF

Opções são para as Escolas Técnicas de Brasília (foto), Ceilândia e Planaltina e para o Centro Educacional nº 2 do Cruzeiro. Inscrição no processo seletivo deve ser feita no site da Secretaria de Educação até 6 de junho

Estão disponíveis 2.022 vagas de educação profissional em quatro unidades escolares do Distrito Federal. As inscrições no processo seletivo, gratuitas, devem ser feitas no site da Secretaria de Educação até 6 de junho.

Duas mil e 22 vagas de educação profissional estão disponíveis em quatro unidades escolares do Distrito Federal. As inscrições no processo seletivo, gratuitas, devem ser feitas no site da Secretaria de Educação até 6 de junho.
Duas mil e 22 vagas de educação profissional estão disponíveis em quatro unidades escolares do Distrito Federal. As inscrições no processo seletivo, gratuitas, devem ser feitas no site da Secretaria de Educação até 6 de junho. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

Há oferta para modalidades presenciais e a distância, em diferentes áreas, como técnico em informática, eletrônica e logística. Todos os cursos começam no segundo semestre de 2018.

De acordo com o regulamento, a candidatura tem de ser em apenas uma unidade escolar, em um dos cursos e somente em um turno.

Na página de inscrição, o candidato precisa informar CPF, sexo, nome, nome da mãe e data de nascimento. Quem quiser concorrer a vagas reservadas a pessoas com deficiência precisa marcar a opção. Em seguida, o interessado seleciona a escola, o turno e o curso que deseja.

Em etapas posteriores ao cadastro on-line, também gratuitas, os que concorrem a vagas para pessoas com deficiência terão de apresentar laudo médico emitido nos últimos 12 meses.

Em caso de demanda maior do que a oferta, a Escola Técnica de Brasília aplicará prova

Se as inscrições excederem o número de vagas em cada curso e turno, a seleção será feita por meio de sorteio eletrônico em 8 de junho. A previsão é que o resultado seja divulgado a partir das 18 horas no site da secretaria.

A exceção é para a Escola Técnica de Brasília que, em caso de demanda maior do que a oferta, aplicará prova em 24 de junho.

Para matrícula, os selecionados terão de apresentar o original e a cópia dos seguintes documentos:

  • identidade
  • CPF
  • duas fotos 3×4
  • comprovante de residência
  • comprovante de escolaridade

Detalhes sobre a documentação e outras exigências e informações podem ser consultados nos editais, publicados no Diário Oficial do DF e disponíveis no portal da Educação.

Vagas para cursos de educação profissional no DF (2/2018)
 

Unidade escolar

 

Cursos técnicos

 

Turno

Para ampla concorrênciaPara pessoas com deficiência
Escola Técnica de BrasíliaEletrônicaMatutino704
Vespertino704
Noturno704
EletrotécnicaMatutino704
Vespertino704
Noturno1005
InformáticaMatutino1005
Vespertino1005
Noturno1005
TelecomunicaçõesMatutino704
Vespertino704
Noturno704
Escola Técnica de CeilândiaAdministraçãoMatutino1005
Vespertino1005
Noturno1005
InformáticaMatutino1005
Vespertino1005
Noturno1005
Logística 

Noturno

 

67

 

3

Administração integrado à EJAEnsino a distância 

95

 

5

Informática integrado à EJAEnsino a distância 

95

 

5

Escola Técnica de PlanaltinaEspecialização em enfermagem em urgência e emergênciaMatutino191
Vespertino191
Centro Educacional nº 2 do CruzeiroServiços públicos integrado à EJANoturno664

Centro de Educação Profissional – Escola Técnica de Brasília

Localizada em Águas Claras, a escola oferta quatro opções de cursos presenciais em todos os turnos:

  • técnico em eletrônica (1.700 horas)
  • técnico em eletrotécnica (1.836 horas)
  • técnico em informática (1.768 horas)
  • técnico em telecomunicações (1.700 horas)

Para formação nos cursos, há estágio supervisionado. Após a inscrição on-line, o candidato terá de homologá-la presencialmente (QS 7, Lotes 2 e 8, Avenida Águas Claras) até 7 de junho, em dias úteis, nos seguintes horários: das 9 às 12 horas, de 13 às 18 horas ou de 19 às 21 horas.

Nessa unidade, se houver mais inscritos do que o número de vagas, a seleção será feita por meio de prova, em 24 de junho, às 14 horas. Nesse caso, serão cobrados conteúdos de português e matemática.

Requisitos: cursar o segundo e o terceiro anos do ensino médio ou tê-lo concluído; ou ainda cursar o terceiro segmento da educação de jovens e adultos (EJA).

Centro de Educação Profissional – Escola Técnica de Ceilândia

A unidade ofertará os seguintes cursos presenciais:

  • técnico em administração (1.140 horas)
  • técnico em informática (1.200 horas)
  • técnico em logística (800 horas)

Para participar dos de administração e de informática, é necessário cursar ou já ter concluído o ensino médio. Para o de logística, exige-se idade mínima de 16 anos e ensino médio completo.

Na modalidade a distância, estão disponíveis dois cursos, ambos integrados à EJA:

  • técnico em administração (2.400 horas)
  • técnico em informática (2.400 horas)

Os requisitos, nesse caso, são ter 18 anos e concluído o ensino fundamental ou equivalente. Além disso, o candidato não pode estar cursando o ensino médio regular nem o terceiro segmento da EJA.

Centro de Educação Profissional – Escola Técnica de Planaltina

O curso de especialização técnica de nível médio em enfermagem em urgência e emergência é presencial e soma 450 horas — organizado em dois módulos e com estágio supervisionado.

Para se inscrever, é preciso ter 18 anos e apresentar diploma de conclusão de curso técnico em enfermagem.

Na unidade, estão disponíveis 19 vagas para ampla concorrência e uma destinada a pessoas com deficiência no período matutino. A mesma quantidade de vagas é ofertada no vespertino.

Além disso, 50% das vagas são reservadas para técnicos de enfermagem da Secretaria de Saúde. O vínculo empregatício terá de ser comprovado com declaração em papel timbrado emitida pela chefia imediata.

Centro Educacional nº 2 do Cruzeiro

O curso técnico em serviços públicos ofertado pela escola do Cruzeiro é integrado à EJA no eixo tecnológico gestão de negócios. Serão cinco módulos e um total de 2.400 horas.

Os interessados precisam ter 18 anos, concluído o ensino fundamental ou estar em fase de conclusão do nono ano ou ainda no segundo segmento da EJA.

Edição: Raquel Flores