15/4/19 20:03
Atualizado em 16/4/19 às 11:34

GDF anuncia pacote de benfeitorias à saúde

Em reunião com o secretário de Saúde Osnei Okumoto, o governador Ibaneis Rocha determinou uma série de medidas que beneficiarão a população

O Governo do Distrito Federal (GDF) anunciou uma série de boas notícias para a saúde da capital. Da contratação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender mais pacientes até a parceria para construção de polo farmacêutico, os frutos de uma reunião entre o governador Ibaneis Rocha e o secretário da Saúde, Osnei Okumoto, nesta segunda-feira (15), prometem beneficiar toda a população da capital.

Ao todo, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) garantiu 23 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) credenciados em hospitais privados da capital. São 19 no Hospital Santa Marta e quatro no Anna Nery, ambos em Taguatinga. O Hospital Santa Marta ficará com cinco leitos neonatais, cinco pediátricos, cinco de hemodiálise e quatro cardiológicos. Já o Hospital Anna Nery ganha quatro leitos de hemodiálise. A medida beneficiará especialmente os pacientes renais que precisam de hemodiálise. “São os mais necessitados porque são poucos os leitos na rede pública para esse fim”, explica Osnei Okumoto.

Além disso, está em processo de negociação a contratação de vagas para ressonância magnética no Hospital Santa Marta. Okumoto explica que a pasta já solicitou o credenciamento e agora faz os trâmites internos para finalizar o procedimento e garantir mais acesso à população. O GDF também fechou contrato com duas empresas que realizarão cirurgias do mutirão de cataratas.

Indústria farmacêutica
Está encaminhada a criação de uma indústria farmacêutica no Distrito Federal. A área já foi definida junto à Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap), na região da Biotic, e o processo obedece às formalidades para lançamento do edital de parceria público-privada (PPP). A empresa ou o consórcio selecionado deve ser responsável pela obra e transferência de tecnologia. A intenção, segundo o secretário de Saúde do DF, é “tentar produzir o máximo do que é usado na rede pública, promovendo autossuficiência e redução de custos”.

Servidores
Aos servidores, a boa notícia vem em dupla. O governador Ibaneis Rocha anunciou a nomeação de 33 médicos aprovados no concurso de 2018, entre pediatras, médicos da família, fisiatras e emergencistas e redigiu um decreto que aumenta o prazo para usufruir o banco de horas dos servidores da Secretaria de Saúde.

Além do governador e do secretário Osnei Okumoto, participaram da reunião o secretário-adjunto de Gestão, Sérgio Costa; o diretor do Instituto Hospital de Base (IHB), Francisco Araújo, e a secretária-adjunta de Assistência à Saúde, Renata Rainha.