21/4/19 12:10
Atualizado em 21/4/19 às 12:21

Centros de Atendimento ao Turista foram reabertos no aniversário de Brasília

Os CAT da Casa de Chá e dos setores Hoteleiro Sul e Norte funcionarão todos os dias da semana das 9h às 18h

A Secretaria de Turismo (Setur – DF), em parceria com o BRB, entregou, no domingo (21), três Centros de Atendimento ao Turista (CAT). Em um pouco mais de quatro meses do novo Governo do Distrito Federal, serão reativados os centros dos setores Hoteleiro Sul e Norte, que estavam fechados desde o fim da Olimpíada 2016.

Já o da Casa de Chá, que passou por uma revitalização na última semana, abriu as portas com um novo visual ao som do Quarteto da Escola de Música de Brasília . O grupo composto por oboé, viola, violoncelo e violino apresentou repertório de Wolfgang Amadeus Mozart. O horário de funcionamento dos três centros de Atendimento ao Turista será das 9h às 18h, durante todos os dias da semana.

De acordo com a secretária de Turismo, Vanessa Mendonça, os centros de Atendimento ao Turista de Brasília estarão essencialmente alinhados com o que se espera de um espaço destinado a turistas e à população. Além de acolhimento, informação e bom atendimento. “Os CATs serão espaços multifuncionais que vão refletir a identidade da cidade, a alegria dos brasilienses, a efervescência de tudo o que somos e produzimos.

Cada CAT será como uma mini-Brasília.” Os turistas que visitarem a capital encontrarão nos Centros da Casa de Chá e nos CATs Asa Norte e Sul a cidade moderna que é Patrimônio Cultural da Humanidade, Cidade Criativa do Design pela Unesco e que foi concebida e construída por pessoas arrojadas, inovadoras e empreendedoras. “Os novos Centros de Atendimento ao Turista serão locais de experiências e múltiplas sensações. Brasília tem todos os atributos para se tornar um dos grandes destinos turísticos e dos mais desejados do nosso país. É a nossa capital,”, enfatizou a secretária de Turismo.

Vanessa Mendonça destacou que a Secretaria de Turismo está atuando nas necessidades emergenciais e estruturantes em conjunto com todas as secretarias do GDF e órgãos federais na busca de soluções e ações que impulsionem o Turismo na Capital Federal. A secretária reforça ainda a capacidade de desenvolvimento econômico que o turismo traz em si, pois movimenta uma enorme cadeia de serviços e produtos, gera emprego e traz receita. “Vamos oferecer aos nossos turistas cada vez mais apoio, com informações, serviços e roteiros elaborados em parceria com todo o trade turístico. Essas ações estarão ampliadas nos CATs que mostrarão essa nova Brasília. Uma cidade muito interessada em acolher bem seus visitantes e em promover todas as suas regiões para o Brasil e para o mundo”, ressaltou.

Um dos exemplos é a parceria com o BRB na revitalização e reativação dos CATs. Esse é o início de um trabalho conjunto entre a Setur e o Banco de Brasília que irá proporcionar investimentos e melhorias constantes na atividade turística da capital. “O BRB está ao lado da Secretaria de Turismo em mais essa iniciativa. Somos o banco que se identifica e valoriza a cidade. Apoiando o Turismo reafirmamos nossa identidade e apoio à geração de emprego e renda no setor”, disse o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

De acordo com a secretária de Turismo, os CATs são pontos de referência para quem quer conhecer qualquer cidade no Brasil e no mundo. “Temos uma cidade repleta de atrativos e com grande variedade de práticas de turismo. Precisamos receber bem quem chega a Brasília. Dar opções de atividades, sejam elas históricas, culturais, gastronômicas, religiosas, ecológicas. Uma boa experiência em um CAT favorece que o turista aprecie a cidade e saia daqui com vontade de voltar e indicar Brasília para parentes e amigos”, frisou Vanessa Mendonça.

Histórico – Desde janeiro deste ano, a Setur tem empreendido esforços e buscado parcerias para reformar e reativar os CAT’s. Os dois centros de Atendimento ao Turista dos setores hoteleiros Sul e Norte passaram por pintura; trocas de louças, de blindex e de portas; checagem e reforma das partes elétricas e hidráulicas. O mobiliário e a decoração são peças feitas e concedidas por artesãos de Brasília.

O CAT da Casa de Chá na Praça dos Três Poderes foi pintado, o mármore do piso foi polido e as paredes receberam limpeza específica para o mármore bruto. Além disso, o mapa, localizado em frente ao Centro de Atendimento que estava com a imagem queimada e apagada devido à ação do tempo, foi trocado. O mobiliário e decoração dessa unidade foram cedidos por designers da cidade.

Próximos passos – Assim que a Torre de TV Digital for reaberta ao público, uma nova unidade do Centro de Atendimento ao Turista será reativada e funcionará nos dias em que a Torre estiver aberta para a população, das 9h às 17h, mesmo horário de funcionamento do monumento.

Em breve, o Aeroporto voltará a fornecer serviço de atendimento ao turista. A Secretaria de Turismo conseguiu junto à Inframérica a liberação de uma loja na área do desembarque para montar um CAT. A elaboração do contrato de uso do local já está em fase de finalização. Um espaço na Rodoviária Interestadual também está sendo negociado.

Serviço:
Funcionamento de segunda-feira a segunda-feira, das 9h às 18h
CAT Casa de Chá – Praça dos Três Poderes
CAT Setor Hoteleiro Sul – Quadra 1, próximo ao Hotel Nacional
CAT Setor Hoteleiro Norte – Quadra 1, ao lado do Kubitschek Plaza

*Com informações da Secretaria de Turismo

Galeria de Fotos

1838aba7-d186-422f-af68-11f24e2d84a2