8/8/19 9:13
Atualizado em 8/8/19 às 16:11

Praça do Povo, no Setor Comercial Sul, será revitalizada

Serão destinados R$ 1,7 milhão para troca das calçadas e melhorias de paisagismo. Obras de infraestrutura também estão previstas

Foto: Acácio Pinheiro/Agência Brasilia

A requalificação do Setor Comercial Sul, uma das prioridades da atual gestão, ganha força  com a destinação de recursos para a primeira etapa das obras. O orçamento para a recuperação da Praça do Povo, na Quadra 3, foi aprovado na 19ª reunião extraordinária do Fundo de Desenvolvimento Urbano do Distrito Federal (Fundurb), nesta quarta-feira (7). O encontro ocorreu na sede da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh). 

Serão destinados R$ 1.702.604,49 do fundo para a melhoria das calçadas, do paisagismo e da infraestrutura no local. Os serviços a serem executados são os seguintes:

  • nivelamento e substituição de pisos;
  • implementação de piso tátil, corrimãos e guarda-corpos;
  • colocação de sombreiros;
  • paisagismo;
  • adaptação das arquibancadas já existentes; 
  • implementação de infraestrutura de iluminação pública

O relator do projeto foi o representante da Secretaria de Obras e Infraestrutura no Fundurb, Maurício Canovas. A proposta foi aprovada pela unanimidade dos conselheiros presentes.  

A requalificação é importante para que a gente inicie uma demanda positiva de atividades dentro do SCS. Já há empresários entusiasmados com a proposta e, com o início das obras, vamos conseguir mais parceriasGiselle Moll, secretária- executiva de Desenvolvimento Urbano e Habitação

A destinação de recursos para a revitalização da área já havia sido aprovada pelo Conselho de Administração do Fundurb. O processo, contudo, foi interrompido ainda na gestão passada e a licitação nem sequer foi lançada. 

Agora, a proposta foi subdividida em etapas para facilitar a execução orçamentária. Essa repartição não implica em prejuízos financeiros ou de projeto, segundo a secretária- executiva de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Giselle Moll. 

A requalificação é extremamente importante para que a gente inicie uma demanda positiva de atividades dentro do Setor Comercial Sul. Já há empresários bastante entusiasmados com a proposta e, com o início das obras na Praça do Povo, a gente vai conseguir atrair mais parcerias, inclusive com recursos financeiros

Melhorias viárias

Os integrantes do Fundurb aprovaram também a destinação de recursos para obras de rotas acessíveis em hospitais públicos em diversas regiões administrativas do Distrito Federal. 

Rotas acessíveis vão ligar as paradas de transporte coletivo aos hospitais públicos. O objetivo é ter mais acessibilidade e calçadas uniformes. Com isso, pedestres e usuários das unidades de saúde podem chegar aos locais em segurança e com conforto. 

A Resolução nº 1, de 18 de maio de 2016, destinou R$ 3.775.351,66 em quatro lotes de unidades hospitalares, assim divididos: 

Lote 1: hospitais regionais do Gama, do Guará, de Samambaia e de Santa Maria
Lote 2: hospitais regionais da Asa Norte e do Paranoá
Lote 3: hospitais  regionais de Brazlândia e de Ceilândia
Lote 4: hospitais regionais de Planaltina e de Sobradinho.

Devido aos diversos recursos interpostos na Justiça por empresas descontentes com o resultado da disputa pública, os recursos não puderam ser executados. Somente a partir de fevereiro deste ano, quando a maioria dos questionamentos foi vencida, o processo teve andamento. 

Os conselheiros do Fundurb optaram, então, por convalidar parcialmente a Resolução nº 1. Isso significa que, dos quatro lotes previstos pelos projetos, apenas o Lote 2 não vai ter os recursos liberados agora pelo fundo. A decisão se deveu aos processos ainda em andamento no Poder Judiciário. A quantia correspondente à requalificação dos hospitais regionais da Asa Norte e do Paranoá fica, por sua vez, reservada para este fim e não poderá ser aplicada em outro projeto. Os valores podem ser atualizados conforme a tabela de custos.

* Com informações da Seduh/DF

Galeria de Fotos

Praça do Povo, no Setor Comercial Sul, será revitalizada