10/3/20 17:43
Atualizado em 10/3/20 às 17:43

Mais de mil novos policiais e bombeiros para o DF

Aprovados da PMDF fizeram o concurso em 2018 e deverão iniciar curso de formação já no final deste semestre

A Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF) anunciou na tarde desta terça-feira (10) a convocação de mais 750 aprovados no concurso da Polícia Militar (PMDF), além de 356 para o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF). O anúncio foi feito pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) com participação dos comandantes das duas forças, os coronéis Julian Pontes (PMDF) e Lisandro Paixão (CBMDF).

Os aprovados da PMDF fizeram o concurso em 2018 e deverão iniciar o curso de formação ainda no final deste semestre. Até lá será preciso cumprir o cronograma, que deverá ser publicado até o final desta semana.

A primeira turma deste concurso foi convocada para o Curso de Formação de Praças (CFP) em 2019. A formatura dos policiais foi em janeiro deste ano, durante cerimônia no Estádio Nacional Mané Garrincha. Eles reforçaram o policiamento na Operação Carnaval 2020 e foram primordiais na atuação para garantia da segurança nos blocos carnavalescos.

Para o titular da Segurança Pública, Anderson Torres, trata-se de um marco para a pasta. “Estamos muito felizes de contar com o reforço de vocês na Segurança Pública, com total apoio do governador Ibaneis Rocha. Nosso segmento há tempos precisa de mais efetivo e, neste momento, a maior beneficiada é a sociedade do DF”, declarou o secretário durante o anúncio de convocação, que foi transmitido em tempo real nos canais de comunicação do GDF.

O coronel Julian Pontes falou sobre a expectativa para a chegada dos novos integrantes do órgão. “Nossa expectativa é a mais alta possível. Sabemos que os próximos guerreiros vestirão a farda da instituição e honrarão nosso compromisso de prestar uma segurança de qualidade para a população do DF. Certamente farão a diferença junto aos demais policiais militares que integram a Polícia Militar do Distrito Federal”, declarou o comandante-geral da PMDF.

O curso de formação tem duração de sete meses, em período integral, e é dividido em três níveis: básico, intermediário e avançado.

A primeira delas tem disciplinas militares e atividades operacionais. Em seguida eles recebem uniformes e começam a colocar em prática o conteúdo apresentado, como patrulhamento e abordagem. Por fim são aplicadas as instruções mais técnicas, como travessia de lagos e operações que visam coibir assaltos, apreensões de armas e drogas, roubo de veículos e detenção de foragidos.

Bombeiros

O comandante do Corpo de Bombeiros do DF, coronel Lizandro Paixão, também informou que 346 militares vão compor o quadro do CBMDF em breve. Destes, 249 irão compor o quadro de combatentes. Outros 61 serão condutores, 23 oficiais, dez médicos, três dentistas e mais dez oficiais complementares.

“Essa convocação vai ajudar a recompor o efetivo do Corpo de Bombeiros que há alguns anos não recebia novos integrantes. Sem dúvidas será um reforço importante para nosso quadro”, comemorou o comandante do CBMDF, Lisandro Paixão.

 

* Com informações da Secretaria de Segurança Pública