3/6/20 13:23
Atualizado em 3/6/20 às 13:38

Farmácia Central amplia horário de funcionamento

Objetivo é melhorar o atendimento nas unidades de saúde

Foto: Arquivo/Agência Brasília
Para que a ampliação de horário fosse possível, foi necessário alterar as escalas dos servidores durante a semana. Foto: Arquivo/Agência Brasília

Devido à demanda crescente das unidades de saúde por insumos e materiais durante a pandemia do novo coronavírus, a Farmácia Central da Secretaria de Saúde ampliou seu horário de atendimento. Agora, funciona de forma ininterrupta, das 7h às 19h, e nos finais de semana, de 8h às 17h.

“O objetivo principal é otimizar a gestão da logística. Temos muitas unidades e o horário anterior, de 8h às 12h e 14h às 17h, não atendia mais as demandas de forma imediata. Com a ampliação do horário, a ideia é conseguir receber mais rápido os materiais e atender mais unidades”, explicou a subsecretária de Logística da Secretaria de Saúde, Mariana Mendes.

A Farmácia Central engloba tanto o almoxarifado no Parque de Apoio da pasta quanto o galpão da Secretaria de Saúde no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), que abastece toda a rede de Atenção Básica do Distrito Federal.

Para que a ampliação de horário fosse possível, foi necessário alterar as escalas dos servidores durante a semana, de forma que o serviço ocorra sem paradas. Nos fins de semana, dois profissionais de saúde atuam em cada dia, por Trabalho em Período Determinado (TPD).

“Vimos que as rotinas das unidades têm demandado muito, e o horário antigo restringia muito o acesso aos materiais, principalmente em casos de urgência. Com a mudança, podemos atender às necessidades das unidades sem deixar para outro dia. Com isso, se reduz a espera e ganha-se tempo”, ressaltou a diretora de Logística da Secretaria de Saúde, Manuela Leite.

*Com informações da Secretaria de Saúde