4/6/20 18:41
Atualizado em 4/6/20 às 18:53

Estacionamento do Hran recebe iluminação de LED

Projeto faz parte do Programa Luz que Protege

O Hospital Regional da Asa Norte (Hran) é um dos polos de saúde pública mais importantes do DF e é referência no atendimento as vítimas de queimaduras, lábio leporino, crisdown (portadores de síndrome de down) e cirurgia bariátrica. Em 2020, completará 36 anos auxiliando a população, que logo mais poderá usufruir de uma iluminação local mais efetiva.

Devido a autorização por parte da Secretaria de Obras, está em execução, desde o dia 29 de maio, o projeto de eficientização da iluminação pública no estacionamento do hospital. Isso consiste na troca das luminárias convencionais por 123 novas luminárias de LED, em trabalho realizado pela Companhia Energética de Brasília (CEB).

O custo total dessa ação ficou no valor de R$ 94 mil. Os recursos são provenientes da Contribuição de Iluminação Pública (CIP) e entra no âmbito do Programa Luz que Protege. Além da melhora na sensação de segurança, com a troca efetuada há uma estimativa de que a economia média nas contas de energia cheguem a 47%.

Ambos os benefícios soam como música no ouvido da população. A aposentada Maria Paraízo, 76, se empolgou ao ver o resultado do antes e do depois. “Quando meu marido faleceu, anos atrás, eu praticamente morei no Hran por um ano. Fico contente com a reforma, pois aquela área é bastante perigosa e agora todos que circulam ali vão se sentir mais protegidos contra roubos e possíveis acidentes de carro com pedestres”, contou.

O presidente da CEB, Edison Garcia, reforça a importância da execução desse projeto. “O Programa Luz que Protege tem como objetivo iluminar os pontos prioritários para a população do DF, como faixas de pedestres e entornos de hospitais. Sabemos a importância do Hran, que agora terá uma iluminação mais efetiva ao seu redor”.

* Com informações da CEB