24/6/20 10:24
Atualizado em 24/6/20 às 10:24

GDF promove ‘live’ com participantes autistas

Secretaria da Pessoa com Deficiência organiza evento nesta quinta-feira (25) para marcar o Dia do Orgulho Autista

Nesta quinta-feira (25), a Secretaria da Pessoa com Deficiência realiza uma live em menção ao Dia do Orgulho Autista. Com o tema “O Protagonismo Autista”, a transmissão está prevista para iniciar às 17h, no Instagram oficial da Secretaria da Pessoa com Deficiência (@secdeficienciadf).

As convidadas são a pedagoga e audiodescritora Rita Louzeiro; a presidente da Associação Brasileira Para Ação por Direitos das Pessoas Autistas (Abraça), Fernanda Santana; e a artista e ativista pela neurodiversidade Amanda Paschoal. Além do vasto currículo, as três têm algo em comum: são mulheres autistas.

A mediadora do encontro será a secretária da Pessoa com Deficiência do DF, Rosinha da Adefal. As convidadas vão falar sobre a importância dessa data e quais dificuldades enfrentam por conta da deficiência.

Rosinha explica que a proposta da live é garantir o lugar de fala do autista. “Em muitas discussões sobre o autismo, o autista, que é o principal interessado, acaba sendo silenciado. Nossa ideia é exatamente ouvir o que eles têm a dizer”, pontua Rosinha.

Essa é a segunda transmissão online consecutiva onde se discute o tema autismo. Na última sexta-feira (19), pais de pessoas com autismo se encontraram virtualmente com a secretária Rosinha e destacaram os cuidados para com autistas durante a pandemia do novo coronavírus.

Participaram a subsecretária de Políticas e Gestão da SEPD, Eliane Nuvem; a fisioterapeuta especializada em autismo Carline Nogueira; e o diretor-presidente do Movimento Orgulho Autista do Brasil (MOAB), Fernando Cotta.

Acessível em Libras
Assim como em todas as lives promovidas pela SEPD ou com a participação de algum de seus representantes, a live de quinta-feira oferece acessibilidade em Língua Brasileira de Sinais (Libras). Por conta da duração da live (cerca de 1 hora), dois intérpretes se revezam na tradução de toda a conversa para a Libras.

A iniciativa faz parte de um projeto da Secretaria para a difusão da Libras. Ela é o segundo idioma oficial do Brasil, reconhecida pela Lei n° 10.436/2002. Além disso, por articulação da pasta, vídeos oficiais do GDF também contam com a tradução e interpretação para a língua utilizada pela comunidade surda.

A data
O Dia do Orgulho Autista é celebrado desde 2005, no dia 18 de junho. A iniciativa é do grupo americano Aspies For Freedom (em tradução livre, “Aspies pela liberdade”). O termo “aspie”, que faz parte do título do grupo, é uma referência à Síndrome de Asperger, que consta dentro do Espectro Autista.

O objetivo da data é a conscientização sobre a neurodiversidade e a desconstrução de alguns mitos, como a de que o autismo precisa de uma cura, por se tratar de uma doença.

* Com informações da Secretaria da Pessoa com Deficiência