3/8/20 17:19
Atualizado em 4/8/20 às 11:05

GDF retoma Parque Burle Marx, no Noroeste

O local compreende uma área verde de 280 hectares que ainda preserva uma das maiores manchas de Cerrado da cidade

Foto: Arquivo Agência Brasília

A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap), a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) e o Instituto Brasília Ambiental deram o pontapé inicial, nesta segunda-feira (3), à retomada do Parque Ecológico Burle Marx. Esperado por muitos moradores do Setor Noroeste e região, o parque é uma promessa antiga.

O local compreende uma área verde de 280 hectares, que ainda preserva uma das maiores manchas de Cerrado da cidade. O cercamento de toda a unidade e a ciclovia com 5 km, às margens da Avenida W7, foram concluídos recentemente.

A primeira etapa consiste na roçagem do Burle Marx, que começou em dois pontos: perto do depósito do Detran e na entrada próxima ao anel viário, ambos no Setor de Grandes Áreas Norte. “A expectativa é que a Novacap termine a roçagem ainda em agosto. Depois disso, em outubro, no período chuvoso, a Terracap entra em ação com o plantio de 100 mil m² de grama”, explica o diretor Técnico da Terracap, Hamilton Lourenço Filho.

“A Novacap tem sido grande parceira do Instituto Brasília Ambiental, com cuidados nas nossas Unidades de Conservação. E esta ação de roçagem nos parques é de suma importância, principalmente nesta esta época de seca, quando o risco dos incêndios florestais aumenta exponencialmente”, afirma Rejane Pieratti, superintendente de Unidades de Conservação, Biodiversidade e Água do Instituto Brasília Ambiental.

Ainda segundo Hamilton Lourenço, o objetivo é iniciar, ainda em 2020, a instalação de estacionamentos, parquinho infantil, duas ilhas de convivência com equipamentos sociais com Pontos de Encontro Comunitário (PEC), quadras poliesportivas, quadras de areia, ciclovias, pista de corrida e caminhadas e duas guaritas, uma voltada para a Asa Norte e outra para o Noroeste.

Já na segunda etapa, serão feitas intervenções em outras áreas do parque com a construção de mais pistas para caminhadas e de ciclismo, toda a parte de paisagismo, áreas de contemplação, de piquenique, entre outras intervenções. “Esperamos, em breve, entregar o Parque Burle Marx à população do Noroeste e de todo o DF”, completa o diretor da Terracap.

O Burle Marx situa-se entre a Asa Norte e o Setor Noroeste e ainda preserva uma das maiores manchas de Cerrado de Brasília, sendo considerado corredor ecológico relacionado ao Parque Nacional de Brasília.

* Com informações da Terracap

Galeria de Fotos