24/9/20 20:31
Atualizado em 25/9/20 às 23:04

Caminho da Mata receberá cascalho

GDF Presente já nivelou 1,5 km da estrada, que receberá brita nesta sexta (25), e fez manutenção do estacionamento da Rodoviária do Plano Piloto

Demanda antiga dos moradores finalmente será atendida | Foto: GDF Presente

Uma demanda de anos dos moradores do Jardim Botânico começou a ser atendida pelo GDF. A administração regional, com apoio das equipes do GDF Presente, faz nesta semana a recuperação da rua Caminho da Mata, uma estrada de terra de 1,5 quilômetro que cruza os condomínios. A via ganhou terraplanagem e, nesta sexta-feira (25), será cascalhada com uma espécie de brita feita com restos de material de construção triturados.

Havia pelo menos cinco anos que a estrada, em frente ao condomínio Jardins do Lago, não recebia qualquer manutenção, o que gerava muita reclamação da comunidade. “É uma descida. A chuva foi levando o cascalho e deteriorando a rua. Estava cheia de buracos, sem falar na poeira que levantava na época de seca”, explica o administrador do Jardim Botânico, Antônio de Pádua Amorim Araújo.

Antônio conta que, quando assumiu a administração, em junho, e viu a quantidade de reclamações na Ouvidoria, foi pessoalmente ao local e constatou o estado de conservação da rua. “Há 30 anos a comunidade espera o asfalto, que entrará no nosso planejamento do ano que vem”, vislumbra.

Ainda segundo o administrador, a via é muito movimentada especialmente aos finais de semana, porque dá acesso a um restaurante. Além disso, é usada por moradores de chácaras da região. Dona do comércio, que existe há 14 anos, Lídia Izaías, 63 anos, conta que todos os clientes reclamam do estado da rua. “Era meu maior problema. A sorte é que as pessoas gostavam da comida e voltavam”, avalia.

Poeira recorrente está com os dias contados nos condomínios | Foto: GDF Presente

O terreno do restaurante também é uma chácara onde Lídia mora há 30 anos. “A gente sofria. Na seca era a poeira, nas chuvas o buraco e a lama”, resume.

O Polo Leste do GDF Presente também trabalha na recuperação das estradas de terra do bairro João Cândido, onde vivem cerca de 3 mil pessoas. As equipes estão fazendo terraplanagem em duas ruas no meio das casas e na avenida principal do bairro. “Vamos passar o rolinho nas estradas para ficar lisinho, sem buracos”, acrescenta Antônio de Pádua.

Rodoviária

No Plano Piloto, o Polo Central Adjacente I foi acionado por causa de uma cratera que surgiu no estacionamento da plataforma superior da Rodoviária. As equipes isolaram a área, acionaram o Departamento de Trânsito (Detran-DF) para desviar o fluxo de carros e possibilitar que a Companhia de Urbanização da Nova Capital (Novacap) pudesse fazer o conserto da estrutura.

“Alguma tubulação estourou e a água formou o buraco. Mas já tapamos o buraco e resolvemos o problema”, afirma o diretor de Urbanização da Novacap, Sérgio Lemos.

573 bueiros em 25 diasrecuperados nas ruas do Plano Piloto

As equipes do Polo Central Adjacente I também intensificam a limpeza e a recuperação das bocas de lobo, especialmente na Asa Norte e no Noroeste. Desde 31 de agosto já foram 573 bueiros recuperados, 218 deles na W3 Norte, e 86 no Noroeste, na avenida principal e na quadra comercial. Ao todo, 101 toneladas de lixo, entre descartáveis, latas, papel e galhos, foram retiradas das estruturas de escoamento.

No Gama, o Polo Sul também trabalha em operações tapa-buracos, prioridade da administração regional desde agosto, bem como na limpeza e na recuperação de bocas de lobo. Em dois dias as equipes limparam 73 bueiros em duas avenidas do Setor Sul.

Galeria de Fotos

Caminho da Mata pavimentada depois de 30 anos de espera