22/11/20 15:26
Atualizado em 24/11/20 às 10:51

Praça Central do Paranoá entra em ritmo de obras

Projeto prevê reforma de mobiliários instalados, nova PEC, um parque infantil e até uma fonte luminosa

Reforma contemplará toda a extensão da praça | Arte: Divulgação

A Praça Central do Paranoá, um dos símbolos da cidade, vai receber uma atenção especial do governo. Entre os equipamentos a serem instalados pela reforma geral que a administração regional planeja, há até uma fonte luminosa. Na primeira etapa do projeto, uma licitação cobrirá a restauração da fonte, do coreto e da guarita, com um investimento inicial de cerca de R$ 300 mil.

A reforma, que envolve todo o espaço da praça, deve prosseguir ao longo do primeiro semestre do ano que vem. O projeto prevê ainda reformas nas calçadas, a reconstituição do piso central em pedras portuguesas e a instalação de um parque infantil e de um Ponto de Encontro Comunitário (PEC), reivindicação antiga da comunidade.

Uma das atrações mais esperadas previstas no projeto é a fonte luminosa

A expectativa maior é com a fonte, que terá um sistema de sincronização da água com efeitos luminosos, realçando o potencial atrativo da praça. A novidade também representa um incentivo ao turismo e ao comércio da região.

O administrador regional do Paranoá, Sérgio Damaceno, comemora o início dos trabalhos na praça. “Me sinto muito feliz de fazer parte da equipe do governador Ibaneis”, afirma. “Pegamos a cidade deteriorada e estamos nos esforçando muito para entregar as obras de que o morador do Paranoá precisa. Fechamos o ano com a cereja do bolo, que é a reforma da praça central”.

A renovação vai transformar a vida dos moradores e a dos comerciantes. Dona de um bar em frente à Praça Central, Maria Senhora Oliveira, 55 anos, conhecida como “Senhorinha”, está na expectativa de poder aproveitar o novo espaço. “Vai trazer muitos benefícios para a gente”, diz. “Ela está muito feia, não tem segurança nenhuma, isso já era para ter sido feito há muito tempo”.

Outras obras

Em outubro, o Paranoá completou 63 anos de fundação, e o GDF deu de presente à população reformas em 14 praças da cidade . Ao todo, R$ 200 mil foram investidos nos trabalhos, que contemplaram as quadras 2, 7, 8, 11, 13, 15, 23, 28 (duas), 30 e 32, bem como os núcleos rurais Jardim, Café sem Troco e Rajadinha 2.

Outro incentivo ao desenvolvimento urbano do Paranoá foi o projeto Adote Uma Praça, da Secretaria de Projetos Especiais (Sepe). Em setembro, um empresário da região assinou um termo de cooperação com o GDF para a reforma da quadra poliesportiva da Quadra 21.