11/12/20 20:42
Atualizado em 12/12/20 às 16:37

Parque Ezechias Heringer ganhará 750 mudas

Dois plantios voluntários serão realizados na Unidade de Conservação. Um neste domingo (13) e o outro na segunda-feira (14)

O Parque Ecológico Ezechias Heringer, também conhecido como Parque do Guará, protege nascentes e o Córrego Guará | Foto: Divulgação/Brasília Ambiental

 O Parque Ecológico Ezechias Heringer (Guará II) receberá duas ações de plantios de reflorestamento com atividades de voluntários do projeto Tempo de Plantar e do Comitê de Voluntariado Ambiental do Programa de Voluntariado da Vice-Presidência da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), que contam com os apoio do Instituto Brasília Ambiental, da Novacap e da Administração Regional do Guará. No total, serão plantadas 750 mudas de plantas nativas.

O primeiro plantio acontece neste domingo (13), a partir das 8h, numa iniciativa do movimento Tempo de Plantar. Conforme explicou o engenheiro florestal e responsável pela ação, Marcelo Oliveira, o principal objetivo é despertar nas pessoas o hábito de plantar árvores. “A região do Guará é bem arborizada e uma das grandes vantagens dos plantios é manter o conforto térmico na cidade para tentar minimizar os efeitos climáticos, além de contribuir para a recuperação de áreas degradadas e alteradas”.

A expectativa é de que pelo menos 250 mudas sejam plantadas com a ajuda de voluntários. Entre as espécies a serem plantadas estão: araçá do campo, angico, jenipapo, aroeira, urucum, ipê amarelo,  ipê rosa, ipê branco, jacarandá, xixa, buriti, pitomba, mirindiba, fedegoso, sangra d’água, cajuzinho do cerrado, uvaia e cagaita.

Comitê

Já a segunda plantação acontece na segunda-feira (14) e tem como objetivo plantar mais 500 mudas de espécies nativas do Cerrado. Esta atividade ecológica é do Comitê de Voluntariado Ambiental do Programa de Voluntariado da Vice-Presidência da CLDF e também conta com as parcerias do Brasília Ambiental, Novacap e da Administração do Guará.

Com a colaboração de voluntários, nossa intenção é promover a conscientização ambiental da população e, de certa forma, trabalhar para combater o desmatamento e recuperar as áreas degradadasRafaela Abrantes, presidente do Comitê de Voluntariado Ambiental do Programa de Voluntariado da Vice-Presidência da CLDF

A importância do trabalho em conjunto também é reforçada pela superintendente de Unidades de Conservação, Biodiversidade e Água do Brasília Ambiental (Sucon), Rejane Pieratti. “A parceria com a sociedade civil para o plantio vem contribuindo muito para a recuperação de áreas nas Unidades de Conservação e é sempre muito bem-vinda, e agora essa ação está sendo incrementada com a contribuição do Comitê de Voluntariado Ambiental da CLDF”, destaca.

Conservação

Entre as espécies a serem plantadas estão araçá do campo, angico, jenipapo, aroeira, urucum, ipê amarelo, cajuzinho do cerrado, uvaia e cagaita| Foto: Divulgação/Brasília Ambiental

O Parque Ecológico Ezechias Heringer, também conhecido como Parque do Guará, protege nascentes e o Córrego Guará, que nasce na Reserva Biológica do Guará e deságua no Riacho Fundo, formando um importante Corredor Ecológico da região. Entre seus atrativos estão os equipamentos de lazer e esporte, como parquinhos, quadras poliesportivas e de areia, coopervia, ciclovia, além de um pequeno e bem cuidado orquidário com espécies nativas.