3/1/21 10:47
Atualizado em 5/1/21 às 12:05

Terracap prossegue com entrega de contratos do Pró-DF II

A ação, que já regularizou mais de 200 imóveis desde janeiro de 2019, colabora com o desenvolvimento de todo o Distrito Federal

Mais empresários tiveram a oportunidade de encerrar o ano de 2020 com contratos de concessão de Direito Real de Uso, com opção de compra, de lotes da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) em mãos.

A agência entregou os documentos às empresas que tiveram os Projeto de Viabilidade Técnico Econômico Financeira (PVTEF) ou Projeto de Viabilidade Simplificado (PVS) aprovados pelo Conselho de Gestão do Programa de Apoio ao Empreendimento Produtivo do Distrito Federal (Copep-DF).

Uma das beneficiadas com a aquisição é a Telemont, empresa que trabalha com comunicação de voz, gestão de sistemas de energia, banda larga e dados, tecnologia da informação e transporte multimídia. A empresa esteve representada pelo diretor regional Giovanni Avelar. Ele diz que a empresa aderiu ao programa em 2010, mas que a documentação nunca chegava por inúmeras razões.

“Agora, depois de quase 11 anos, a gente está conseguindo sair daqui com o contrato. É um motivo de alegria muito grande”, comenta. O diretor ainda menciona que o sentimento é de batalha vencida. “Achamos que não íamos conseguir sair com este documento, mas felizmente essa hora chegou”.

Com os contratos, os empresários contemplados deverão cumprir com as metas estabelecidas nos projetos aprovados: planejar a edificação civil, bem como gerar empregos e estimular o exercício da atividade econômica.

O empreendedor Eduardo dos Santos, do Gama/DF, se diz abençoado enquanto segura emocionado o documento. “Participar deste programa, que é tão bom, me fez poder seguir com o meu sonho e também a manter a força quanto a um dos meus propósitos, que é gerar empregos”, reforça.

De acordo com o diretor de Regularização Social e Desenvolvimento Econômico da Terracap, Leonardo Mundim, o Pró-DF “inova ao encorajar concretamente a empregabilidade”. Ele explica que a empresa concessionária que comprovar o aumento do número de empregos gerados em relação ao que foi inicialmente aprovado no Plano de Viabilidade Simplificado, terá a taxa de concessão mensal do lote reduzida proporcionalmente. Outras ações que também proporcionam esta garantia é se empresa mantiver projetos de responsabilidade social ou se implantar medidas não compulsórias de responsabilidade ambiental.

A ação, que já regularizou mais de 200 imóveis do Pró-DF II desde janeiro de 2019, colabora com o desenvolvimento de todo o Distrito Federal, pois movimenta a economia com a atração de novas empresas, fomenta investimentos, a criação de novos postos de trabalho, o que diminui a taxa de desemprego, e melhora a renda da população.

*Com informações da Terracap