30/4/21 9:31
Atualizado em 1/5/21 às 13:34

Grupo prioritário pode se vacinar à noite a partir de segunda (3)

Vacinação será oferecida no período das 18h às 23h, na Praça dos Cristais do Setor Militar Urbano, em sistema drive-thru

“Esse ponto de vacinação, coordenado pelo Exército, é um grande ganho para a população do DF, pois será estratégico” Divino Valero Martins, subsecretário de Vigilância à Saúde

Um novo ponto de vacinação contra a covid-19 entrará em operação na próxima segunda-feira (3/5). Por meio de uma parceria entre o Governo do Distrito Federal e as Forças Armadas, grupos prioritários terão acesso a um horário inédito para imunização: das 18h às 23h. O ponto será a Praça dos Cristais, em frente ao Quartel General do Exército, no Setor Militar Urbano (SMU).

Parceria do GDF com as Forças Armadas possibilita a criação do horário alternativo | Foto: Divulgação

“Nesse momento tão sensível que estamos vivendo, é muito importante contar com os parceiros nas atividades relacionadas ao combate à covid-19”, destaca o subsecretário de Vigilância à Saúde, Divino Valero Martins, que agradeceu o apoio das Forças Armadas no processo de imunização da população do DF.

“Esse ponto de vacinação, coordenado pelo Exército, é um grande ganho para a população do DF, pois será estratégico, e tenho certeza que terá uma boa aceitação, pelo horário de funcionamento diferenciado”, conclui o subsecretário.

O atendimento ocorrerá na modalidade drive-thru, sendo as doses aplicadas por militares do Comando Conjunto Planalto que atuam na área da saúde. Nessa unidade, serão administradas tanto a primeira quanto a segunda dose da vacina. Os militares foram capacitados por equipes da Secretaria de Saúde (SES) com treinamento específico.

Comando Conjunto Planalto

142campanhas de doação de sangue já foram organizadas pelas Forças Armadas durante a pandemia

Constituído em 29 de março de 2020, o Comando Conjunto Planalto é formado militares da Marinha do Brasil – Comando do 7º Distrito Naval –, do Exército Brasileiro – Comando Militar do Planalto – e da Força Aérea Brasileira – Ala 1/Base Aérea de Brasília. Desde o início da pandemia, eles empreendem ações de prevenção e controle no enfrentamento do novo coronavírus na capital federal, atuando em operações como descontaminação de locais públicos, transporte de material hospitalar, remoção de pacientes, doações de sangue, produção de máscaras e distribuição de cestas básicas, entre outras demandas.

Entre as ações realizadas pelas Forças Armadas, destacam-se 142 campanhas de doação de sangue com quase 1,5 mil doadores, 620 cestas básicas e kits de higiene distribuídos para famílias de baixa renda, 420 toneladas de cargas transportadas em apoio a órgãos de saúde e segurança pública, 52 mil máscaras produzidas para proteção das tropas empregadas no combate ao novo coronavírus e descontaminação de mais 300 espaços públicos, além da disponibilização de 11 aeronaves para transporte de pacientes.

*Com informações da SES