25/6/21 15:36
Atualizado em 25/6/21 às 15:57

Praça Tião Areia é um presente para a RA de São Sebastião

Espaço foi reformado pelo programa Adote uma Praça e é entregue à população nesta sexta (25), aniversário da cidade

São Sebastião completa 28 anos nesta sexta-feira (25). A comemoração vai ser no espaço mais antigo e simbólico da cidade – a Praça Tião Areia. Considerado como o marco zero da localidade, a praça já está vestida a caráter, com cores e luzes, para que a população volte a frequentar o logradouro mais conhecido da cidade.

A união dos setores público e privado deu certo e a nova Praça Tião Areia enche os olhos dos moradores de São Sebastião| Foto: Acácio Pinheiro/Agência Brasília

Localizada na rua 48, bairro Centro, a praça foi completamente reformada. A obra foi realizada dentro do Adote uma Praça, do Governo do Distrito Federal (GDF). Lançado em julho de 2019, o programa permite a realização de parcerias entre a administração, empresários e moradores para a manutenção e recuperação das praças locais.

“O custo da reforma foi de R$ 10 mil, mas fizemos uma parceria público-privada e três comerciantes nos ajudaram a pagar a compra dos materiais. A administração regional entrou com a mão de obra e os equipamentos”Alan Valim, administrador de São Sebastião

“O custo da reforma foi de R$ 10 mil, mas fizemos uma parceria público-privada e três comerciantes nos ajudaram a pagar a compra dos materiais. A administração regional entrou com a mão de obra de 15 trabalhadores e com os equipamentos”, explica o administrador de São Sebastião, Alan Valim.

A união dos setores público e privado deu certo e a nova Praça Tião Areia enche os olhos dos moradores de São Sebastião. No piso, já velho e desgastado, as peças estragadas foram recompostas, os canteiros foram realocados, o estacionamento ganhou massa asfáltica e o pé de jaca, já moribundo e que ameaçava cair, foi removido do local.

A iluminação da praça foi refeita. A rua 48, onde fica a praça Tião Areia, já foi beneficiada com o projeto de Eficientização da Iluminação Pública, que consiste na substituição de lâmpadas convencionais por luminárias de LED.

A praça também ganhou cinco bancos de concreto, pintados com cores diferenciadas. Foi instalado ainda no espaço o segundo letreiro colorido da cidade, com a tradicional declaração “Eu ♥️ São Sebastião”, mas em uma versão mais compacta (Eu♥️ SS). O outro letreiro, completo, está instalado no final da DF-463, na entrada da cidade.

“Nos preocupamos com a acessibilidade para permitir que um cadeirante, por exemplo, também possa chegar até o letreiro e fazer fotos”, revela o administrador da cidade.

Lucas “Areia”: “Me sinto honrado em ver essa praça em homenagem ao meu pai. Em mais de 20 anos, é a primeira vez que ela é reformada” | Foto: Acácio Pinheiro/Agência Brasília

Bonita demais

Sebastião de Azevedo Rodrigues, o Tião Areia, fundador da cidade e que dá nome à praça, já foi conferir as benfeitorias – e gostou do que viu -. “Ficou bonito demais. Estou muito feliz. Ali começou a história de São Sebastião. Essa pracinha era onde a gente se reunia para conversar e para ver o que dava para conseguir para melhorar a vila”, disse Seu Sebastião, 78 anos, 10 filhos (sendo oito vivos), 27 netos e oito bisnetos.

“Ficou bonito demais. Estou muito feliz. Ali começou a história de São Sebastião. Essa pracinha era onde a gente se reunia para conversar e para ver o que dava para conseguir para melhorar a vila”Seu Sebastião, 78 anos, fundador da cidade

Um dos filhos de Seu Sebastião, Lucas Silva Rodrigues, 40 anos, herdou até o apelido “Areia”. Nascido e criado na cidade que o pai ajudou a fundar, Lucas Areia relatou a satisfação com a homenagem ao pai que se perpetra fisicamente no centro da cidade. “Me sinto honrado em ver essa praça em homenagem ao meu pai. Em mais de 20 anos, é a primeira vez que ela é reformada”, explica Lucas.

Dono de uma ótica na cidade, Jonathan Pereira Couto, 31 anos, era somente alegria. Nascido em São Sebastião, o rapaz foi um dos empresários que participou da parceria com a administração para a reforma da praça. “O sentimento é de gratidão, por poder ajudar a minha cidade. Foi um dinheiro bem investido e isso estimula a participação de mais comerciantes em outras iniciativas”, disse Jonathan.

Dona de uma loja de roupas para crianças, localizada em frente à praça, a pernambucana Leila Bezerra da Silva, 42 anos, 35 anos vivendo em São Sebastião, comemorou as obras que dão vida nova ao espaço público mais antigo da cidade. “Está maravilhosa. Já tentei encabeçar um projeto para a reforma da praça, que acabou não dando certo”, informou.

“A praça estava suja e abandonada. Hoje já é um grande diferencial de São Sebastião, um atrativo para os moradores. Fico feliz por ter ajudado a comunidade, de alguma forma”, resume o empresário Reginaldo Araújo Nascimento, 39 anos, que também colaborou para a reforma.

Galeria de Fotos

Praça Tião Areia é um presente para São Sebastião