6/7/21 10:51
Atualizado em 6/7/21 às 13:58

Sai a lista para a contratação de brigadistas ambientais

São 150 vagas para trabalho de julho a novembro deste ano. Resultado final será divulgado no próximo dia 13, após análise de recursos

O Instituto Brasília Ambiental divulga nesta terça-feira (6), no Diário Oficial do DF (DODF), o resultado preliminar do processo seletivo simplificado para a contratação temporária de 150 brigadistas florestais. Os profissionais atuarão de julho a novembro deste ano, a fim de prevenir e combater incêndios nas 82 unidades de conservação (UCs) distribuídas pelo Distrito Federal. Além disso, poderão trabalhar em outras áreas, em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar do DF (CMBDF).

Foto: Divulgação/Brasília Ambiental
Os brigadistas vão atuar em parceria com o Corpo de Bombeiros na prevenção e no combate a incêndios, nas 82 unidades de conservação do DF e em outras áreas, conforme as necessidades | Foto: Divulgação/Brasília Ambiental
“A atuação efetiva e precoce de brigadistas bem-equipados, aliada a um planejamento prévio elaborado segundo critérios técnicos, é a garantia de que o cerrado sofrerá cada vez menos os impactos devastadores dos incêndios florestais”Ricardo Roriz, superintendente da Administração Geral do Brasília Ambiental

A análise documental de identificação e curricular é uma das etapas para a contratação temporária de seis supervisores de brigada, 24 chefes de brigada e 120 brigadistas florestais combatentes. No entanto, a lista de classificados ainda não é a garantia de contratação, porque o resultado final e a convocação para a contratação estão previstos para o dia 13 deste mês, com divulgação também no DODF e na página do Brasília Ambiental.

O superintendente de Administração Geral do Instituto Brasília Ambiental, Ricardo Roriz, destaca a importância da ação de fiscalização preventiva de combate às queimadas e incêndios florestais. “A atuação efetiva e precoce de brigadistas bem-equipados, aliada a um planejamento prévio elaborado segundo critérios técnicos, é a garantia de que o cerrado sofrerá cada vez menos os impactos devastadores dos incêndios florestais”, afirmou.

O período para a interposição de recursos tem início nesta terça (6) e vai até as 15h de quinta-feira (8). A contestação deve ser feita por meio do formulário Interposição de Recursos – Processo Seletivo Simplificado de Supervisor de Brigada, Chefe de Esquadrão e Brigadista Florestal Combatente 2021 – Brasília Ambiental/DF, disponível no site do Brasília Ambiental.

A contratação faz parte do Plano de Prevenção de Combate aos Incêndios Florestais (Ppcif), da Secretaria do Meio Ambiente (Sema). Os brigadistas contratados vão atuar em parceria com o Corpo de Bombeiros na prevenção e no combate a incêndios, nas 82 unidades de conservação espalhadas pelo DF e em outras áreas, conforme as necessidades.

Em 2020, Brasília conseguiu diminuir a área queimada nas UCs em 50%. Em maio deste ano, foi feita a entrega de mais uma base em Águas Claras, somando-se a outras duas em diferentes pontos do DF para ação rápida no combate a incêndios.

*Com informações do Brasília Ambiental