3/8/21 17:57
Atualizado em 3/8/21 às 21:55

Pavimentação da estrada VC-441 do Paranoá chega a 85%

Obra prevê asfalto para 5 km da via, responsável pelo escoamento de boa parte da produção de grãos do DF como feijão, milho e soja

Os moradores da Colônia Agrícola do Lamarão, localizada na VC-441, estão muito próximos de ver uma demanda de pelo menos duas décadas atendida pelo GDF. A obra de pavimentação, com 4,9 km de extensão, está com 85% do cronograma concluído. Executado pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER) com investimentos de R$ 4,7 milhões, o empreendimento vai beneficiar aproximadamente 800 motoristas, incluindo produtores rurais da área do Programa de Assentamento Dirigido do Distrito Federal (PAD-DF).

Os trabalhos iniciados no segundo semestre de 2020 são feitos por 50 operários e passaram pelas etapas de terraplenagem, de drenagem, de sub-base e base | Foto: Divulgação DER/DF

A nova estrutura vai facilitar o tráfego para os condutores que vêm de Unaí (MG) e das cidades mais próximas, como São Sebastião, Cabeceira Grande, Buriti de Minas e Palmital. Também serão beneficiados os funcionários e alunos da Escola Classe Lamarão.

Os trabalhos, iniciados no segundo semestre de 2020, são feitos por 50 operários e passaram pelas etapas de terraplenagem, drenagem, sub-base e base.

Para a conclusão do serviço, resta finalizar a implantação da capa asfáltica nas duas faixas de rolamento, no acostamento e na ciclovia que integra o trecho, além da construção de meios-fios e da sinalização horizontal e vertical.

Chegar à escola vai ficar mais fácil

A secretária da Escola Classe Lamarão, Teresinha Fritsch, 57 anos, comemora a obra. “Eu trabalho nessa escola desde 2009, e já sofri muito por ter dias em que pensava que não voltaria para casa por causa dos atoleiros criados pela lama na época da chuva, sem falar na poeira, no tempo da seca, em que as crianças precisavam usar máscara para se proteger”, diz. Atualmente, a unidade de ensino possui 192 alunos matriculados, além de 37 funcionários.

Melhorias nas redondezas

Desde junho deste ano, os produtores rurais da região PAD-DF e condutores de veículos, em geral, transitam pela DF-285 com mais segurança e conforto. Executada em uma extensão de 13,5 km até o entroncamento com a DF-100, a obra beneficia cerca de cinco mil motoristas diariamente.

Esse trabalho, que teve o investimento R$ 20,6 milhões, abrange a pavimentação de duas faixas de rolamento, a construção de acostamento e execução da sinalização horizontal e vertical.

“Com a realização dessas obras, sabemos que a qualidade de vida dos moradores da região vai melhorar cada vez mais, não apenas na questão que envolve o transporte dos alimentos produzidos por esta importante área agrícola do Distrito Federal, mas também para as crianças que precisam ir à escola da Colônia Agrícola do Lamarão”, afirma o superintendente de Obras do DER, Cristiano Cavalcante.

* Com informações para o DER