13/9/21 15:00
Atualizado em 13/9/21 às 15:29

Brasília Ambiental lança plataforma de monitoramento

Evento on-line acontece nesta quarta-feira (15) e integra programação da Semana do Cerrado 2021

“É um portal de transparência e organização sobre a produção do Brasília Ambiental, onde cada unidade é responsável por inserir dados técnicos sobre sua área de atuação, consolidando todas as informações, de maneira interativa, em um só lugar”Tatiane Correia, chefe da Unidade de Tecnologia e Gestão da Informação Ambiental

Em comemoração à Semana do Cerrado 2021, o Instituto Brasília Ambiental lança, nesta quarta-feira (15), o Observatório da Natureza e Desempenho Ambiental (Onda). A plataforma, desenvolvida pela Unidade de Tecnologia e Gestão da Informação Ambiental (Ugin) do órgão, tem como proposta utilizar as ferramentas de inovação para consolidar os dados de monitoramento da geoinformação ambiental do Distrito Federal. A live de lançamento será às 10h, no canal da autarquia no YouTube.

O Onda reúne o conjunto de informações e produções de fontes primárias e secundárias de interesse para análises de todas as categorias temáticas ambientais de licenciamento, fiscalização, monitoramento, educação ambiental e unidades de conservação. “É um portal de transparência e organização sobre a produção do Brasília Ambiental, onde cada unidade é responsável por inserir dados técnicos sobre sua área de atuação, consolidando todas as informações, de maneira interativa, em um só lugar”, aponta a chefe da Ugin, Tatiane Correia.

Arte: Instituto Brasília Ambiental

Ainda de acordo com Correia, o lançamento da plataforma representa a maturidade do órgão ambiental. “Chegamos em um produto que oferece autonomia para o órgão alimentar à base de dados com celeridade, facilitando a comunicação com outras plataformas de monitoramento sem tantas burocracias, visto que as mudanças são alteradas automaticamente em todos os servidores”, reforça.

Funcionalidades

Além de oferecer informações sobre a autarquia ambiental para a população e órgãos de controle, o Onda também funcionará como um complemento para alimentar outras ferramentas de monitoramento ambiental do Distrito Federal, no caso o Sistema Distrital de Informações Ambientais (Sisdia), coordenado pela Secretaria de Meio Ambiente (Sema), e o Geoportal DF.

A plataforma permite a integração, consulta, criação, inserção de dados, documentos e metadados, assim como visualização de mapas interativos, painéis de monitoramento geoestatístico, gráficos interativos e imagens de drone e de satélite, que contribuirão para a avaliação de indicadores ambientais, monitoramento do meio ambiente, participação social, transparência pública e governança.

*Com informações do Instituto Brasília Ambiental