Fale com o Governo Ações em Destaques

14/12/21 às 20:05, Atualizado em 14/12/21 às 20:07

Operação DF Livre de Carcaças já recolheu 758 veículos

Ação realizada nesta terça (14) no Guará apreendeu 10 unidades, que totalizam 87 carros irregulares já retirados das ruas da RA

Agência Brasília* | Edição: Saulo Moreno

“A ação mostra a interação e integração da segurança pública de forma geral e é primordial para evitar a proliferação do mosquito transmissor da dengue e outras arboviroses” Marcelo Batista, coordenador dos Consegs

O Guará recebeu mais uma edição da operação DF Livre de Carcaças nesta terça-feira (14). É a quinta vez desde o lançamento da ação, em fevereiro de 2020. Foram retiradas dez carcaças das ruas da região, contabilizando 87 carros abandonados recolhidos no Guará. Em todo o DF, o total chega a 758 veículos recolhidos. Além de contribuir com a sensação de segurança da população, a operação tem como objetivo eliminar criadouros do mosquito Aedes aegypti – transmissor de dengue, zika e chikungunya.

“É uma operação de sucesso e em consonância com o Governo do Distrito Federal (GDF), em que retiramos carcaças abandonadas que servem não só para possíveis práticas de crimes, como também para focos do mosquito da dengue”, aponta o secretário de Segurança, Júlio Danilo.

Com a retirada de mais 10 veículos abandonados da ruas do Guará, 758 unidades já foram recolhidas pela operação DF Livre de Carcaças | Fotos: Divulgação/SSP-DF

A operação é realizada sob a coordenação da Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF), em parceria com as secretarias executivas das Cidades e de Políticas Públicas, DF Legal, Departamento de Trânsito (Detran-DF), Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), Diretoria de Vigilância Ambiental (Dival), Secretaria de Saúde (SES) e Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap).

De acordo com o coordenador dos Conselhos Comunitários de Segurança (Consegs) na SSP-DF, Marcelo Batista, a identificação dos carros abandonados acontece por meio da  parceria com os Consegs, administrações regionais e também por meio do envio de informações para o e-mail conseg@ssp.df.gov.br.

“Entendemos a relevância de uma ação como essa e o Guará foi contemplado com cinco edições neste ano, o que nos deixa muito agradecidos ao governador Ibaneis Rocha e ao secretário de Segurança Pública, Júlio Danilo, pelas ações designadas à população guaraense” Luciane Quintana, administradora regional do Guará

“A ação mostra a interação e a integração da segurança pública de forma geral e é primordial para evitar a proliferação do mosquito transmissor da dengue e outras arboviroses”, ressalta Batista. “O veículo deve apresentar características como material abandonado, carro aberto e vidros quebrados, por exemplo”, completa.

Para a administradora regional do Guará, Luciane Quintana, o trabalho em parceria tem sido essencial para redução dos casos de dengue e aumento da sensação de segurança da população: “A Administração Regional do Guará contribuiu com o mapeamento dos veículos em situação de abandono e atua em parceria com a SSP-DF para atender toda a demanda da cidade”.

“Entendemos a relevância de uma ação como essa e o Guará foi contemplado com cinco edições neste ano, o que nos deixa muito agradecidos ao governador Ibaneis Rocha e ao secretário de Segurança Pública, Júlio Danilo, pelas ações designadas à população guaraense”, acrescenta a administradora.

Ação pioneira

A DF Livre de Carcaças teve início em fevereiro de 2020 e já ocorreu em Samambaia, Candangolândia, Guará, Sudoeste, Taguatinga, SIA, Plano Piloto, Paranoá, Ceilândia, Santa Maria, Gama, Recanto das Emas, Riacho Fundo, Sobradinho, São Sebastião, Núcleo Bandeirante, Arniqueira, Riacho Fundo II, Cruzeiro e Planaltina.

Também foram contempladas as faixas de domínio do DER, pátios da 6ª, 15ª e 19ª Delegacias de Polícia e Setor de Oficinas Sul (SOF).

*Com informações da SSP-DF

Últimas Notícias