Fale com o Governo Ações em Destaques

9/2/22 às 20:12, Atualizado em 9/2/22 às 20:22

Prorrogado prazo para inscrições do projeto Mais que Vencedor

Em razão do elevado número de acessos ao site no último dia, o que sobrecarregou o sistema, data final foi adiada para 20 de fevereiro

Agência Brasília* | Edição: Rosualdo Rodrigues

A Secretaria de Juventude (Sejuv), em parceria com o Sesi-DF, prorrogou o período de inscrição do projeto Mais que Vencedor. Agora é possível se inscrever até 20 de fevereiro, no site do Sesi-DF. O prazo ficará disponível para os interessados que sejam alunos ou egressos de escolas públicas e privadas na faixa etária de 15 a 29 anos.

O projeto Mais que Vencedor tem o objetivo de preparar os jovens do DF de forma gratuita para as provas de acesso ao ensino superior

A medida foi definida nesta quarta-feira (9), quando terminaria o prazo para a pré-inscrição. Em razão do elevado número de pessoas que acessaram o site no último dia, o sistema foi sobrecarregado, o que prejudicou o cadastramento de alguns candidatos.

O projeto, que tem objetivo de preparar os jovens do Distrito Federal de forma gratuita para as provas de acesso ao ensino superior, como o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o Programa de Avaliação Seriada (PAS), também terá alteração no período de matrículas, prorrogado até 23 de fevereiro. Também foi alterado o início das aulas, que ocorrerá em 3 de março.

A classifi­cação será por ordem de pré-inscrição. Os candidatos classifi­cados serão convocados em lista divulgada na página do Sesi-DF na internet e receberão por e-mail as datas para efetivação da matrícula na Central de Atendimento ou na secretaria escolar da unidade selecionada durante a pré-inscrição, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. Caso o candidato não entregue a documentação dentro do prazo, perderá a vaga.

Em caso de dúvidas, os interessados podem entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) do Sesi-DF, pelo telefone (61) 4042-6565, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18h30.

*Com informações da Sejuv-DF

Últimas Notícias