Fale com o Governo Ações em Destaques

15/3/22 às 14:49

GDF Saúde terá abrangência nacional

Servidores que ganham até cinco salários mínimos terão mensalidades reduzidas e carreiras da Polícia Civil poderão fazer parte do plano de saúde

Flávio Botelho, da Agência Brasília* | Edição: Renata Lu

Tem novidades chegando ao GDF Saúde! O plano de saúde do funcionalismo público do Distrito Federal terá, a partir de junho, abrangência nacional. Os servidores com remuneração de até cinco salários mínimos terão à sua disposição um plano distrital, com atendimento local, já no mês de abril. Além disso, os integrantes das carreiras da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) passarão a fazer parte do plano de saúde dos servidores do GDF.

Lançado em 28 de outubro de 2020, o GDF Saúde atende quase 60 mil vidas | Reprodução: Agência Brasília

A abrangência nacional do GDF Saúde atende a reivindicação dos beneficiários do plano e não implicará em aumento das mensalidades pagas. Os valores permanecem os mesmos: R$ 400,00 para o titular e R$ 200,00 para os dependentes. Estes preços são fixos para os servidores que recebem até R$ 10.000,00 brutos de remuneração. Acima deste valor, calcula-se 4% sobre a remuneração do titular e 1% para cada dependente.

“Temos feito uma valorização do serviço público para dar o melhor que nós temos. Criamos o plano de saúde dos servidores públicos, pagamos passivos que há muito tempo estavam parados, e anunciamos a terceira parcela do reajuste, que será implementada na folha de pagamento do mês de abril” - Governador Ibaneis Rocha

Já o plano distrital dará direito a atendimento em rede local de hospitais, clínicas e laboratórios conveniados. Atualmente, o GDF Saúde conta com 37 hospitais e mais de 2,3 mil prestadores de serviço credenciados. Para os servidores ativos, os valores da mensalidade do plano distrital serão de R$ 200,00 para o titular e R$ 100,00 por dependente. Já servidores inativos ou pensionistas, tanto titulares quanto dependentes, pagam R$ 200,00.

“Temos feito uma valorização do serviço público para dar o melhor que nós temos. Criamos o plano de saúde dos servidores públicos, pagamos passivos que há muito tempo estavam parados e anunciamos a terceira parcela do reajuste, que será implementada na folha de pagamento do mês de abril. Estamos trabalhando com muito carinho para todas as categorias e para melhorar a vida dos servidores do DF”, ressalta o governador Ibaneis.

“Nós temos quase 48 mil servidores que ganham até cinco salários mínimos. Esses servidores não conseguem aderir ao plano de saúde porque o custo de vida atual não permite. Com a criação da modalidade distrital esses servidores poderão aderir ao GDF Saúde junto com suas famílias”, explica Ney Ferraz Júnior, presidente do Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do Distrito Federal (Inas-DF).

Ainda no mês de abril, os integrantes das carreiras da Polícia Civil do Distrito Federal e seus dependentes também terão assistência integral à saúde, por meio do Plano de Assistência Suplementar à Saúde. Passam a ser filiados na qualidade de titulares, os servidores ativos, inativos e pensionistas, das carreiras da Polícia Civil do Distrito Federal. A adesão ao benefício está sujeita à carência e ao pagamento de coparticipação dispostos no Regulamento do GDF Saúde.

Lançado em 28 de outubro de 2020, o GDF Saúde atende quase 60 mil vidas. Neste período, foram realizadas aproximadamente 200 mil consultas, 3 mil cirurgias, 5 mil internações hospitalares e 1 milhão de exames e procedimentos laboratoriais. Somente para tratamento de covid-19 foram 393 internações, sendo que 80 resultaram em internações em UTI. De um ano para cá, os beneficiários fizeram mais de 15 mil exames RT-PCR pelo plano de saúde.

Novos serviços facilitam atendimento

O GDF Saúde também está disponibilizando dois novos serviços para os seus beneficiários: um aplicativo desenvolvido para melhorar o acesso às informações sobre o plano de saúde e um chatbot para atendimento virtual dos beneficiários. O aplicativo estará disponível em breve nas lojas App Store e Google Play.

“As informações estarão na palma da mão do servidor”, reforça Ney Ferraz. Já o chatbot é um programa que trabalha e gerencia as trocas de mensagens simulando uma conversa humana. Esse tipo de assistência possibilitará atendimento 24 horas, em todos os dias da semana, inclusive feriados.

* Com informações do Inas

Últimas Notícias