Fale com o Governo Ações em Destaques

24/5/22 às 15:17, Atualizado em 24/5/22 às 18:04

Escolas de samba recebem certificado de gestão profissional do Carnaval

Em evento na Praça do Buriti, foram entregues certificações a representantes de 14 agremiações do DF, que voltarão a desfilar em 2023

Lucíola Barbosa, da Agência Brasília I Edição: Débora Cronemberger

Cerca de 450 pessoas das 14 agremiações de Carnaval do Distrito Federal estiveram presentes, nesta terça-feira (24), na Praça do Buriti, no Eixo Monumental, durante encontro de gestores do Governo do Distrito Federal (GDF) com as escolas de samba de Brasília.

Escolas de samba se fortalecem na gestão profissional com o apoio do GDF | Fotos: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Além de comemorar a parceria com o GDF, alusiva ao lançamento do projeto Escola de Carnaval – que visa capacitar, profissionalizar e articular a organização da cadeia produtiva das escolas de samba –, a organização do evento promoveu a entrega simbólica, aos membros das escolas, de certificados de conclusão do módulo 1 do projeto – Gestão Profissional do Carnaval. O módulo foi dado de 21 de março de 2021 a 1° de abril deste ano.

Representando o governador Ibaneis Rocha, o vice-governador Paco Britto fez a entrega dos certificados. “É um prazer muito grande estar aqui, falando em nome do governador Ibaneis Rocha, que, com grande respeito, pediu para representá-lo”, anunciou, elogiando a gestão do secretário de Cultura e Economia Criativa (Secec), Bartolomeu Rodrigues, à frente da pasta. “Esse carinho que ele tem por vocês é (o mesmo) que acontece na Secretaria de Cultura e Economia Criativa, tão importante para todos”, valorizou.

O vice-governador também garantiu aos componentes das escolas empenho do governo para a regularização dos terrenos visando a construção dos barracões e quadras das agremiações. Inclusive, onde fica a sede da Associação Recreativa Cultural Unidos do Cruzeiro (Aruc). “Tudo que for possível, faremos, inclusive a regulação da área da Aruc, para dar legitimidade ao Carnaval do DF”, ressaltou.

“Samba é o reflexo do povo. Representa emprego e renda nesta cidade e está cumprindo a missão de aperfeiçoar e entender os anseios de todos vocês” Bartolomeu Rodrigues, secretário de Cultura e Economia Criativa

Por sua vez, o vice-presidente da União das Escolas de Samba de Brasília (Uniesb), Adriano Gardinni, agradeceu o apoio do Executivo local e, especialmente, da Secec. “É um marco o que está acontecendo agora”, resumiu.

O secretário ressaltou a importância do projeto Escola de Carnaval. “Temos que comemorar. Fizemos um esforço muito grande para realizar o projeto para que, em 2023, tenhamos as escolas de samba desfilando em Brasília”, pontuou. “As escolas viviam um inferno. Mas, juntos, preparamos esse retorno e será uma página virada esse abandono das escolas. Tudo será analisado e executado no seu devido tempo”, frisou.

Social

As escolas de samba, continuou Bartolomeu, cumprem a função social da maior importância. “Samba é o reflexo do povo. Representa emprego e renda nesta cidade e está cumprindo a missão de aperfeiçoar e entender os anseios de todos vocês”, concluiu.

Também presente ao encontro, o deputado distrital Agaciel Maia garantiu que dará celeridade em relação à liberação de recursos a todos os projetos referentes ao assunto sobre o carnaval, que chegarem à Câmara Legislativa do DF. “Sempre houve falta de vontade política, mas agora não faltará (essa vontade)”, disse.

Ao som da bateria, o evento contou com passistas, ritmistas, mestres-salas, porta-bandeiras, rainhas de bateria e demais componentes de diversas escolas de samba, entre elas Aruc, Acadêmicos da Asa Norte, Bola Preta de Sobradinho, Mocidade do Gama, Capela Imperial de Taguatinga e Águia Imperial de Ceilândia.

Após oito anos sem desfiles das escolas de samba na capital federal, o governador Ibaneis Rocha autorizou o lançamento do projeto Escola de Carnaval, por meio do Edital n°27/2021, com duração de oito meses, podendo ser prorrogado por igual período. A expectativa é que, ainda neste ano, seja liberada a verba para a retomada dos desfiles das escolas de samba no carnaval 2023.

Mini desfile das Escolas de Samba na Praça do Buriti

Últimas Notícias