Fale com o Governo Ações em Destaques

7/6/22 às 10:28

Unidades de assistência social atendem 1,4 mil famílias em dois dias

Na volta do atendimento sem a necessidade do agendamento prévio, ação concentrada envolveu o Cras e os postos avançados do Na Hora

Agência Brasília* I Edição: Débora Cronemberger

As unidades socioassistenciais receberam cerca de 1,4 mil famílias em dois dias, na volta do atendimento sem a necessidade de agendamento prévio. Nesta segunda-feira (6), as 29 unidades do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) atenderam 770 famílias, enquanto os sete postos do Na Hora registraram 228 atendimentos. No sábado (4), aproximadamente 450 famílias conseguiram resolver pendências relacionadas ao Cadastro Único nas unidades do Cras de Planaltina, de Santa Maria e do P Sul.

A retomada do atendimento sem a necessidade de agendamento contou com mutirão das unidades de assistência social | Foto: Ádamo Dan/Sedes

Nesta segunda, as unidades do Cras iniciaram o trabalho às 8h e seguiram até por volta das 17h. Após esse horário, os servidores fazem despachos de demandas internas. Por sua vez, os sete postos do Na Hora espalhados pelo Distrito Federal possibilitam à população preencher ou atualizar os dados do Cadastro Único.

“Fazemos um balanço positivo desse primeiro dia. As famílias conseguiram resolver demandas que estavam pendentes há bastante tempo”, avalia a secretária de Assistência Social, Mayara Noronha Rocha. Ela também destacou o resultado da ação no sábado: “Foi o primeiro mutirão simultâneo nas unidades. Nosso objetivo é fazer outros nos próximos fins de semana”.

A família que precisar atualizar ou preencher o Cadastro Único, solicitar benefício ou se inscrever em serviços, programas ou projetos da política de assistência social deve ir a uma das 29 unidades do Cras do DF. Os postos do Na Hora são opções exclusivas para atualização e preenchimento do Cadastro Único. Nos dois casos, o atendimento é por ordem de chegada.

A Sedes informa que quem estava aguardando marcação do seu atendimento já pode ir presencialmente à unidade ou realizar novo agendamento pelo telefone 156. No caso de quem estava com atendimento marcado, o Cras vai entrar em contato para reagendar uma nova data. Serão levadas em consideração as prioridades, como pessoa idosa e pessoa com deficiência, além de casos ligados ao Benefício de Prestação Continuada.

Em caso de sintomas gripais, a Sedes orienta o cidadão a solicitar o agendamento pelo telefone 156, a partir das 9h, quando ocorre a disponibilização de vagas, que considera a capacidade de atendimento de cada uma das unidades, seja no Cras ou nos postos do Na Hora.

*Com informações da Sedes

 

Últimas Notícias