Fale com o Governo Ações em Destaques

4/10/22 às 17:19

GDF fecha acordo com governo federal para duplicação da BR-080

Obra em parte inicial do trajeto está em fase de conclusão e o trecho restante será licitado ainda este ano; parceria de cooperação técnica vai assegurar recursos

Agência Brasília* | Edição: Rosualdo Rodrigues

Brasília, 19 de setembro de 2020 – Uma demanda antiga da população do Distrito Federal vai ser atendida. A boa notícia é para os cerca de 80 mil motoristas que trafegam diariamente na BR-080, caminho que liga Taguatinga a Brazlândia. A obra de duplicação da parte inicial do trajeto está em fase de conclusão e o trecho restante, de 24 quilômetros, chegando até a Vendinha, em Brazlândia, será licitado ainda este ano.

“Vamos trabalhar para que o GDF viabilize parte do aporte financeiro e a obra seja concluída” José Humberto Pires, secretário de Governo do DF

Nesta segunda-feira (19), os secretários de Governo, José Humberto Pires de Araújo, e de Transporte e Mobilidade, Valter Casimiro Silveira, e o diretor-presidente do  Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF), Fauzi Nacfur Júnior, receberam o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), general Antônio Leite dos Santos Filho, para tratar de assinatura de Acordo de Cooperação Técnica com o objetivo de assegurar recursos federal e distrital para fazer a obra de duplicação.

O secretário José Humberto informou que o assunto foi tratado com o governador Ibaneis Rocha, que sempre teve interesse nessa obra e autorizou dar andamento com a parceria. “Vamos trabalhar para que o GDF viabilize parte do aporte financeiro e a obra seja concluída”, disse.

O DNIT já tem os projetos básicos e executivos de engenharia para adequação de capacidade, duplicação, restauração, melhorias de segurança e eliminação de pontos críticos da rodovia. Segundo o diretor-geral do departamento, o próximo passo é obter licença de viabilidade ambiental a ser emitida pelo Instituto Brasília Ambiental, necessária para realizar a licitação.

Em reunião, secretários de Governo e de Transporte e Mobilidade do DF, diretor-presidente do DER-DF e diretor-geral do DNIT trataram da assinatura de acordo que garantirá recursos para a obra | Foto: Divulgação/Segov-DF

“Tivemos uma reunião excelente, já com a presença do Brasília Ambiental, que vai expedir um documento com a viabilidade ambiental, um ponto muito importante para o DNIT. Isto já vai permitir um segundo ponto que é, em breve, a licitação da duplicação do trecho de 24 quilômetros da BR-080, até Brazlândia”, afirmou o general Antônio Leite.

Ele acrescentou que o terceiro ponto, “importantíssimo”, é a garantia de prosseguimento da obra por meio do Acordo de Cooperação Técnica. “Com isto, teremos garantia dos recursos federais por meio do DNIT, recursos do GDF, o que será fundamental, e também apoio da bancada federal. Num prazo de dois anos teremos a conclusão dessa obra.”

“Essa ligação da 080 até Brazlândia sempre foi uma demanda da comunidade. É uma rodovia denominada rodovia da morte, pela quantidade de acidentes fatais que têm ali, por ser uma pista de mão dupla. Então a duplicação é para salvar vidas” Valter Casimiro, secretário de Transporte e Mobilidade

Primeira etapa

O trajeto inicial da BR-080, na saída da Estrutural sentido Brazlândia, está prestes a ser entregue à população. “Nesse trecho de quase 30 quilômetros, o DER começou por obras diretas a pedido do governador. Os oito primeiros quilômetros estão sendo concluídos agora neste mês. É uma multivia com separação por barreiras e que já está salvando vidas, porque é uma área densamente povoada pelo 26 de Setembro. Nessa parceria com o governo federal fazendo a chegada até Brazlândia, de mais de 24 quilômetros, vai melhorar muito a vida das pessoas que vão ganhar fluidez no trânsito e segurança”, disse Fauzi Nacfur.

“Essa ligação da 080 até Brazlândia sempre foi uma demanda da comunidade. É uma rodovia denominada rodovia da morte, pela quantidade de acidentes fatais que têm ali, por ser uma pista de mão dupla. Então a duplicação é para salvar vidas. É uma demanda antiga que a gente está vendo se tornar realidade. Uma parceria do DNIT com o GDF que, dentro desse Acordo de Cooperação Técnica, vai colocar recursos para ter a obra finalizada em dois anos. A gente agradece muito ao DNIT pelo empenho que tem feito para poder concluir este projeto”, acrescentou Valter Casimiro.

Histórico

Em junho de 2020, o Ministério de Infraestrutura, o DNIT e o GDF assinaram um protocolo de intenções para viabilizar a duplicação da BR-080, no segmento que liga o entroncamento com a DF-001 (Parque Nacional de Brasília e Floresta Nacional) e a divisa do DF com o estado de Goiás, totalizando 40,3 quilômetros de extensão.

Pelo documento, o DNIT se comprometeu a elaborar os projetos básicos e executivos de engenharia e o GDF, por meio do Departamento de Estradas e Rodagens (DER/DF), a executar as obras para adequação de capacidade, duplicação, restauração, melhorias de segurança e eliminação de pontos críticos da rodovia.

A rodovia, em pista simples, conta com tráfego intenso de veículos, diariamente. Isso acontece por conta da quantidade significativa de usuários que necessitam se deslocar de Brasília para o Entorno, uma vez que muitos trabalham na capital federal e moram nas cidades próximas. Esse tráfego intenso também se dá pelo deslocamento de veículos de cargas, que são responsáveis pelo escoamento de produção e abastecimento de insumos na região Centro-Oeste.

Últimas Notícias