Fale com o Governo Ações em Destaques

4/10/22 às 10:04

Operários executam pavimento rígido do Túnel de Taguatinga

Programação de serviços para esta segunda (1º) também inclui trabalho com placas cimentícias e terraplanagem do piso superior da passagem subterrânea

Carolina Caraballo, da Agência Brasília I Edição: Débora Cronemberger

Brasília, 1º de agosto de 2022 – A construção do Túnel de Taguatinga começa a semana com atividades em várias frentes. No lado sul da passagem subterrânea, onde os veículos vão transitar de Ceilândia para o Plano Piloto, o trabalho nesta segunda-feira (1º) vai se concentrar na execução do pavimento rígido. Já no sentido oposto, o foco dos operários estará nas placas cimentícias. Serviços de terraplanagem serão feitos na parte superior da obra.

O pavimento rígido foi o material escolhido para cobrir as seis faixas de rolamento do Túnel de Taguatinga. Composto de placas de concreto de cimento Portland (CCP) moldadas in loco, o revestimento tem uma vida útil até três vezes maior do que o pavimento flexível, feito de asfalto. Por isso, seu uso é recomendado em vias de tráfego pesado e corredores de ônibus (BRT).

Cronograma desta semana da construção do túnel inclui trabalho com placas cimentícias | Foto: Paulo H.Carvalho/Agência Brasília

A execução do piso de concreto envolve três passos básicos. Primeiro, os operários montam as formas em cima da laje de fundo, usada como base para o revestimento. Em seguida, posicionam as barras de transferência e de ligações, estruturas de aço que garantem uma pista livre de rachaduras. A concretagem do pavimento é a última etapa do processo.

Na passagem norte, sentido Plano Piloto-Ceilândia, está prevista a continuação dos serviços de montagem de estrutura e instalação das placas cimentícias que revestem as paredes do Túnel de Taguatinga. Será usado um total de sete mil peças para dar o acabamento interno da passagem subterrânea, cada uma delas medindo 1,2 m por 2,4 m.

O serviço também tem evoluído no piso superior da obra, por onde vai passar o corredor do BRT. Máquinas pesadas como patrolas, rolo pé de carneiro e trator com arado trabalham na terraplanagem, feita com pó de pedra, argila porosa e terra retirada da escavação invertida da passagem subterrânea.

Últimas Notícias