Fale com o Governo Ações em Destaques

5/10/22 às 21:00, Atualizado em 5/10/22 às 21:05

Política de acessibilidade cultural abre espaços a artistas com deficiência

Decreto a ser publicado no DODF desta quinta-feira (6) estabelece que 5% da programação promovida pelo GDF deve ser reservada a pessoa com deficiência

Rafael Secunho, da Agência Brasília | Edição: Carolina Lobo

Com o objetivo de democratizar o acesso à cultura no DF e estimular a participação de artistas com deficiência, o governador Ibaneis Rocha instituiu, por meio de decreto a ser publicado no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta quinta-feira (6), a Política Cultural de Acessibilidade. O texto estabelece que parte da programação cultural promovida pelo GDF deve ser reservada para artistas locais com deficiência.

A norma regulamenta o previsto na Lei nº 4.142/2008, ao determinar que 5% da contratação artística total dos eventos – ou no mínimo um artista – seja de pessoa com deficiência.

Além disso, fica definido que os projetos culturais que dispõem de recursos de acessibilidade possuem prioridade no uso dos equipamentos públicos de cultura.

Cabe à Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) a coordenação da política cultural de acessibilidade. A pasta, por sinal, pode atuar em cooperação com outros órgãos e entidades públicas ou privadas e organismos internacionais para gerir a nova política.

Confira aqui a íntegra do decreto.

Últimas Notícias