Fale com o Governo Ações em Destaques

5/12/22 às 10:26

Novos usuários do Prato Cheio começam a retirar cartão na quinta-feira (8)

São 17.797 pessoas que devem consultar o site GDF Social e procurar as agências do BRB para obter o documento 

Agência Brasília* | Edição: Chico Neto

Já está disponível o calendário de retirada dos cartões dos novos beneficiários do programa Prato Cheio. Neste mês, foram realizadas 27.047 novas inclusões. Dessas, 17.797 abrangem pessoas que estão recebendo o Prato Cheio pela primeira vez. São esses cidadãos que precisam ir a uma agência do Banco de Brasília (BRB) retirar o cartão que dará acesso ao crédito de R$ 250. A entrega do documento começa na quinta-feira (8).

Beneficiários devem procurar uma agência do BRB para ter acesso ao cartão | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Para confirmar a data e saber a agência do BRB onde será retirado o cartão, o beneficiário deve consultar o site GDF Social.

O Cartão Prato Cheio concede crédito de R$ 250 por nove meses para as famílias em vulnerabilidade social comprarem alimentos no comércio local. Têm direito ao benefício os moradores do Distrito Federal com renda familiar igual ou inferior a meio salário mínimo por pessoa, em situação de insegurança alimentar e inscritos no Cadastro Único ou no Sistema Integrado de Desenvolvimento (Sids) da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). O cidadão deve solicitar o benefício no Centro de Referência de Assistência Social (Cras), onde vai passar por uma avaliação da equipe socioassistencial.

Quanto aos 9.250 beneficiários que já receberam o benefício do Prato Cheio em outras oportunidades, devem utilizar o mesmo cartão do ciclo anterior, que o crédito já está lá disponível. Por meio da Sedes, o Governo do Distrito Federal (GDF) liberou o pagamento para 85.990 famílias, no total.

Têm prioridade para receber o benefício as famílias monoparentais chefiadas por mulheres com crianças de até 6 anos, além daquelas que têm na composição familiar pessoas com deficiência ou idosas e pessoas em situação de rua, acompanhadas por equipes da assistência social e em processo de saída dessa condição.

“Esse não é um programa de transferência de renda, mas um auxílio para dar suporte às famílias em um momento de dificuldade” Ana Paula Marra, secretária de Desenvolvimento Social

“Neste mês, foram realizadas mais de 27 mil novas inclusões para que mais famílias possam ser beneficiadas pelo Prato Cheio”, informa a secretária de Desenvolvimento Social, Ana Paula Marra.

“Sempre reforço que esse não é um programa de transferência de renda, mas um auxílio para dar suporte às famílias em um momento de dificuldade. Nós aumentamos de seis para nove meses o período de concessão do benefício para que essas famílias tenham tempo de recuperar a renda e a autonomia – o que é um dos objetivos da política de assistência social.”

Confira abaixo o calendário de entrega dos cartões, a ser realizada por ordem alfabética do primeiro nome do beneficiário. 

→ Quinta (8): nomes iniciados em A e B
→ Sexta (9): nomes iniciados em C e D
Dia 12: nomes iniciados em E e F
Dia 13: nomes iniciados de G a K
Dia 14: nomes iniciados em L e M
Dia 15: nomes iniciados de N a R
Dia 16: nomes iniciados de S a Z.

*Com informações da Sedes

 

Últimas Notícias