Fale com o Governo Ações em Destaques

17/10/23 às 09:14

Vacinação é ação permanente na rede pública do Distrito Federal

Ações extramuros da Secretaria de Saúde fazem parte das estratégias para ampliar cobertura de diversos públicos

Agência Brasília* | Edição: Débora Cronemberger

O Dia Nacional da Vacinação é celebrado nesta terça-feira (17). A aplicação de doses no Distrito Federal é uma ação rotineira realizada quase todos os dias pelas equipes da Secretaria de Saúde (SES-DF). A imunização está disponível de segunda a sexta-feira em mais de 100 pontos de vacinação, inclusive com atividades extramuros e locais abertos nos finais de semana e nos feriados.

No Distrito Federal há mais de 100 pontos de vacinação que funcionam durante a semana. Equipes de imunização também atuam aos finais de semana em diversos locais, como escolas e shoppings | Foto: Sandro Araújo/Agência Saúde-DF

“É importante valorizar a vacina. Ela é um ato de amor e salva muitas vidas, protegendo a população inteira contra doenças imunopreveníveis”, destaca a coordenadora de Atenção Primária à Saúde, Fabiana Fonseca. Segundo ela, é fundamental que todos estejam atentos à imunização, conferindo a caderneta de vacinação e atualizando-a.

“O cartão de vacina em dia é sinônimo de saúde. É vida resguardada. Ela proporciona qualidade de vida” Tereza Luiza Pereira, chefe do Núcleo da Rede de Frio

Como forma de ampliar a cobertura vacinal, o governo do Distrito Federal (GDF), por meio da SES-DF, tem organizado as ações chamadas extramuros, isto é, fora das salas de imunização. As equipes atuam em escolas, universidades, órgãos públicos, shoppings, zoológico, mercados, feiras, igrejas, instituições de longa permanência e muitos outros, de todas as Regiões de Saúde. A lista dos locais de vacinação é sempre atualizada no site da pasta.

“A vacina vai onde a população está. As ações extramuros possibilizam a imunização em momentos nos quais as pessoas estão em lazer ou até mesmo em uma atividade cotidiana, como fazer compras. Unimos o útil ao agradável. Vacinando mais, esperamos recuperar nossas coberturas, que estão baixas desde 2016”, afirma a chefe do Núcleo da Rede de Frio, Tereza Luiza Pereira.

Proteção

A data de 17 de outubro alerta sobre o papel da vacina na redução das taxas de mortalidade. A história do Brasil é palco da erradicação de diversas doenças por meio da imunização, como a da varíola na década de 1970. Nesse contexto, a vacinação contínua e atualizada é ainda a principal forma de se proteger. “O cartão de vacina em dia é sinônimo de saúde. É vida resguardada. Ela proporciona qualidade de vida”, defende Tereza.

No final de setembro, a SES-DF superou a marca de 41 mil doses de vacinas aplicadas em 2023 apenas nas escolas e creches públicas da Secretaria de Educação. A iniciativa das duas pastas foi anunciada em junho, como um esforço coletivo de ampliar as coberturas vacinais no DF. Até o momento, mais de 230 escolas e creches foram beneficiadas.

*Com informações da Secretaria de Saúde

Últimas Notícias