Fale com o Governo Ações em Destaques

27/11/23 às 17:06, Atualizado em 27/11/23 às 17:17

Aberta licitação para construção de parques inclusivos no DF

A previsão é que sejam construídos cinco parques com 14 brinquedos inclusivos em cada um no Parque da Cidade e quatro regiões administrativas

Agência Brasília* | Edição: Vinicius Nader

A Secretaria de Esporte e Lazer (SEL-DF) vai abrir licitação para contratação de empresa que irá construir unidades de parques inclusivos em regiões administrativas do DF. O Parque da Cidade Sarah Kubitschek será um dos locais que receberá os equipamentos voltados à inclusão social. O certame, publicado no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta segunda-feira (27), será aberto no próximo dia 8 de dezembro e prevê a aquisição e instalação de brinquedos tradicionais e inclusivos para crianças.

A licitação tem o valor estimado de R$ 12,4 milhões e engloba a construção de cinco parques. Além do Parque da Cidade há também a previsão de implementação em mais quatro regiões do DF, conforme demanda. Os equipamentos vão atender crianças com deficiência de natureza física ou intelectual com mobilidade reduzida ou sem nenhuma mobilidade, além de pessoas com deficiência sensorial ou visual.

“Queremos possibilitar a garantia de que todos possam desfrutar do espaço, independentemente das deficiências físicas, mentais ou sensoriais” Julio Cesar Ribeiro, secretário de Esporte e Lazer

O secretário de Esporte e Lazer, Julio Cesar Ribeiro, explica que a implementação dos parques vai contribuir para a democratização do acesso ao lazer, bem como permitir que a população frequente o novo espaço com segurança e proteção. “Esse parque inclusivo é, sem dúvidas, um projeto inovador. Queremos possibilitar a garantia de que todos possam desfrutar do espaço, independentemente das deficiências físicas, mentais ou sensoriais”, declara.

Em maio deste ano o gestor da pasta foi até Curitiba (PR) conhecer as instalações do projeto Parquinho Positivo, localizado no Parque Barigui. “Esse intercâmbio foi muito importante para a troca de experiências entre os poderes públicos dos estados. A nossa intenção é proporcionar a todos mais lazer por meio de um ambiente altamente inclusivo e acolhedor”, completa.

Estrutura

O playground inclusivo dispõe de 14 brinquedos, sendo cinco inclusivos e nove convencionais. Toda a área do playground terá piso emborrachado monolítico, com desenhos geométricos nas cores verde, azul e amarelo, identificando o tipo de brinquedo.

O projeto contempla arco pergolado, gangorra suspensa, escorregador de dois níveis, gira-gira com plataforma para cadeirante, balanço com plataforma para cadeirante, balanço tipo cesto para crianças com pouca mobilidade, labirinto modular, escala globo, módulo multiuso, montanha-russa inclusiva, cama elástica inclusiva, cama elástica de solo 3m, cama elástica de solo 2m, cama elástica de solo 1m.

*Com informações da SEL-DF

Últimas Notícias